Menu
Menu
Busca domingo, 23 de junho de 2024
TJMS - Jun24
Saúde

Dezembro vermelho inicia com ações de prevenção e diagnóstico ao HIV

A temática deste ano é  "Vencendo o Preconceito I=I"

01 dezembro 2022 - 11h29Taynara Menezes

O Dia Mundial de Combate à Aids é celebrado nesta quinta-feira (1°) no Brasil desde 1988. Dando inicio a Campanha de Prevenção ao HIV/Aids, Dezembro Vermelho, que busca reforçar a importância da prevenção e do diagnóstico do HIV. A temática deste ano é  “Vencendo o Preconceito I=I”.

A iniciativa é para alertar a população sexualmente ativa, especificamente a população na faixa etária entre 15 e 49 anos para uso do preservativo, que é o principal método e o mais eficaz para prevenir o aumento de novas infecções, além de ações de testagem, pré e pós aconselhamento e distribuição de material informativo. 

Conforme a Sesau, a meta é alcançar 3 mil pessoas durante o mês de dezembro, a partir de um cronograma de  atividades como a realização de testes rápidos de HIV/AIDS, distribuição de materiais informativos e insumos para a população em geral com continuidade das atividades de testagem rápidas nas unidades básicas e de saúde da família mesmo após o término da campanha.

Programação 

A abertura da campanha Dezembro Vermelho ocorreu nesta quarta-feira (30) na UBS Caiçara com roda de conversa com profissionais de saúde e população. Hoje (1), ocorre a divulgação sobre a PrEP na UBS 26 de Agosto.

A programação segue com ações extramuro a serem realizadas nos dias 03, 04, 10, 11 e 17 no Centro Comercial Popular (Camelódromo), região central de Campo Grande,  com a oferta de testes rápidos de HIV, HCV, HBV e Sífilis.

Nos dias 06 e 07 de dezembro, Campo Grande irá sediar o 1º Seminário de Integração da Rede do Cuidado da PVHA em Mato Grosso do Sul no auditório do LAC, na Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS). O evento deve contar com a participação de profissionais dos diversos setores da Sesau e de instituições parceiras.

Atendimento 

Em Campo Grande qualquer unidade básica pode realizar atendimento da Pessoa Vivendo com HIV/Aids (PVHA) desde que apresente os seguintes critérios: Diagnóstico novo de HIV; Contagem de linfócitos T CD4 + ACIMA de 350 cel/mm³; Ausência de comorbidades associadas à imunodeficiência.

Para o cuidado das pessoas com Aids Avançada, estes devem ser acompanhados nos Serviços de Especialidade (CEDIP-Nova Bahia, HUMAP-Hospital Dia Esterina Corsini e Centro de Testagem e Aconselhamento).

Reportar Erro

Deixe seu Comentário

Leia Também

Vacinação contra a gripe e Covid-19 será no Norte Sul Plaza neste domingo
Saúde
Vacinação contra a gripe e Covid-19 será no Norte Sul Plaza neste domingo
Vacinação: Veja onde se imunizar neste sábado em Campo Grande
Saúde
Vacinação: Veja onde se imunizar neste sábado em Campo Grande
Médicos
Saúde
Plantão UPAs: Confira a escala médica nas unidades de saúde para este sábado
Henrique Prata, presidente do Hospital do Amor
Saúde
JD1TV: "Sobrevivemos com ajuda da sociedade", diz presidente do Hospital do Amor
Hospital Regional de Mato Grosso do Sul
Política
"Solucionar problemas": Deputado quer visita da Comissão de Saúde ao Hospital Regional
Upa Vila Almeida
Saúde
Paciente fica mais de 3h esperando por atendimento na Upa Vila Almeida: "não tinha médico"
SES/MS - Secretaria de Estado de Saúde -
Saúde
Governo convoca 116 aprovados no concurso público da Saúde de MS
Dose da poliomielite segue disponível nas unidades de saúde de Campo Grande
Saúde
Dose da poliomielite segue disponível nas unidades de saúde de Campo Grande
Casos de Dengue no Brasil
Brasil
Brasil já soma quase 6 milhões de casos e 4 mil mortes por dengue em 2024
Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue e de outras arboviroses, como zika e chikungunya
Saúde
Adolescente de 14 anos é a primeira morte de dengue na Capital em 2024

Mais Lidas

Moradora de Ponta Porã morre ao ter AVC aos 37 anos
Polícia
Moradora de Ponta Porã morre ao ter AVC aos 37 anos
Cabo Almir e Sargento Santos do 10° Batalhão da Polícia Militar
Polícia
Policial morto estaria envolvido em esquema de tráfico e roubo junto com o sargento
Polícia Civil esteve na empresa em que aconteceu o acidente de trabalho
Polícia
Trabalhador morreu prensado após esquecer de puxar freio de mão de caminhão
Cabo Almir e Sargento Santos do 10° Batalhão da Polícia Militar
Polícia
Policiais militares escoltavam caminhão roubado com drogas em Campo Grande