Menu
Menu
Busca sexta, 14 de junho de 2024
Prefeitura Refis Junho24
Saúde

Em uma semana, MS confirma mais 1,3 mil casos de dengue e nenhuma morte

Dados são do boletim epidemiológico do Estado, divulgado hoje (21)

21 junho 2023 - 17h08Brenda Leitte

Nos últimos sete dias, o número de casos confirmados de dengue subiu de 30.821 para 32.155 em Mato Grosso do Sul, o que representam um aumento de 4,3%. Apesar do aumento de casos, o Estado não registrou novos óbitos, mantendo em 28 mortes. Os dados atualizados foram divulgados no boletim epidemiológico da SES (Secretaria de Estado de Saúde), nesta quarta-feira (21).

Somente nos primeiros seis meses deste ano, o percentual de casos confirmados ultrapassou toda a série histórica dos últimos dois anos. Em 2022, foram contabilizados 21.328 casos confirmados e 24 óbitos pela doença, ou seja, em 2023 os casos subiram 50%.

No ano anterior, em 2021, o Estado registrou 8.027 casos e 14 mortes em decorrência da dengue. Neste ano, em seis meses, o percentual de casos é 300% maior.

Em relação ao número de mortes, MS registra 28 mortes pela doença. Dentre as vítimas, em 17 delas foi detectado o Sorotipo dengue 1. Outros 10 óbitos seguem em investigação pela Secretaria.

Vale destacar que, Mato Grosso do Sul ocupa a 10° posição de incidência de casos, com 48.921 casos prováveis da doença, o que representa uma incidência de 1.741,3.

Dentre os 79 municípios do Estado, 72 registram alta incidência de dengue, ou seja, mais de 300 casos por 100 mil habitantes. Os sete municípios restantes estão na média. As maiores incidências de casos por número de habitantes foram registradas em Brasilândia, com 1.501 casos prováveis; seguido de Antônio João (1.128), Alcinópolis (391), Ivinhema (1.552), Juti (424) e Maracaju (2.962).

Na Capital, maior cidade do Estado, foram contabilizados 9.382 casos prováveis de dengue, de janeiro a junho de 2023.

 

Tenha em seu celular o aplicativo do JD1 e acompanhe em tempo real todas as notícias. Para baixar no IOS, clique aqui. E aqui para Android.

Reportar Erro

Deixe seu Comentário

Leia Também

Secretaria de Saúde de MS registra primeiro caso
Saúde
Campo Grande não tem foco de transmissor de Febre Oropouche, assegura Sesau
Município de Água Clara
Saúde
MS investe R$ 23 milhões na construção do Hospital Municipal de Água Clara
Foto: Arquivo Gov.MS
Saúde
Hospital Municipal de Água Clara será construído com investimento de R$ 23 milhões
Saúde e Bem-Estar receberá o Dr. Eduardo Kawano da Unimed CG
Saúde
Saúde e Bem-Estar receberá o Dr. Eduardo Kawano da Unimed CG
Campo-grandense é o primeiro caso de febre oropouche em MS
Saúde
Campo-grandense é o primeiro caso de febre oropouche em MS
Deputado Estadual Coronel David (PL)
Política
Coronel David pede por melhorias na UTI neonatal da Maternidade Cândido Mariano
Prefeita Adriane Lopes durante assinatura de Ordem de Serviço
Saúde
Adriane assina Ordem do Serviço para construção da USF Parati
Bora prevenir! Vacinação contra poliomielite segue até sexta-feira em MS
Saúde
Bora prevenir! Vacinação contra poliomielite segue até sexta-feira em MS
O anúncio foi feito durante a celebração do 57º aniversário da APAE nessa segunda-feira (10)
Saúde
MS investe R$ 7 milhões em novo Hospital da Criança e do Adolescente com Deficiência
MS confirma nova morte por Covid
Saúde
MS confirma nova morte por Covid

Mais Lidas

Estátua em homenagem ao cantor João Carreiro
Comportamento
Vai ter estátua! Mesmo com polêmicas, 'Tributo a João Carreiro' acontece nesta quarta
Rua 14 de Julho
Geral
Abre e fecha de Santo Antônio: Confira o que funciona na Capital no feriado
Cantor sertanejo cancela shows ao ser diagnosticado com tumor cerebral
Geral
Cantor sertanejo cancela shows ao ser diagnosticado com tumor cerebral
Maria Isabel e Marco Antônio | Anna Colombi e o noivo
Comportamento
Santo Casamenteiro? Jovens encontraram o amor após acharem aliança em bolo na Capital