Menu
Busca terça, 15 de outubro de 2019
(67) 99647-9098
Saúde

Jardim recebe a "Carreta da Saúde" nesta quarta-feira

“Projeto Roda Hans” oferecerá a população de forma gratuita exames e orientações para detectar e prevenir casos de hanseníase

18 fevereiro 2019 - 15h57Marcos Tenório, com informações da assessoria

Jardim receberá na quarta-feira (20), a carreta do “Projeto Roda Hans”, que oferecerá a população de forma gratuita durante dois dias, exames e orientações para detectar e prevenir casos de hanseníase. Hoje (18), servidores da Secretaria de Saúde de Jardim e cidades da microrregião (Bonito, Bela Vista, Guia Lopes e Caracol) participaram de uma oficina de capacitação, para atuarem nos atendimentos durante a passagem da carreta por esses municípios.

A capacitação aconteceu no Centro de Convenções Oswaldo Fernandes Monteiro e foi ministrada por Rossilene Cruz, médica especialista em dermatologia e doutora em doenças tropicais e infecciosas.

De acordo com a secretária municipal de Saúde, Marcelly Trindade Freitas, a mobilização é comandada pelo Ministério da Saúde e desenvolvida no Mato Grosso do Sul pela Secretaria de Estado de Saúde em parceria com as Secretarias Municipais de Saúde. “A ação tem como objetivo mobilizar a população para ir até a carreta, onde são disponibilizados os procedimentos de prevenção à detecção a hanseníase”, explica.

A Carreta da Saúde

A "Rodo Hans" estará em Jardim dias 20 e 21 de fevereiro , no Posto Central Nestor Pereira, na rua Antônio Pinto Pereira, 430 – Vila Angélica.

Os atendimentos serão realizados nos seguintes horários: 8h às 11h e das 13h às 16h. Quem procurar o atendimento na carreta deverá apresentar o RG e o cartão SUS. Para mais informações, procure o agente de saúde do seu bairro.

Doença

Além dos exames, o objetivo da ação é conscientizar a população sobre a importância da prevenção, do diagnóstico e do tratamento da hanseníase. A doença é crônica e infecciosa, que evolui de forma lenta e silenciosa.

Entre os sintomas, há a sensação de formigamento, dormência nas extremidades do corpo, aparecimento de manchas brancas ou vermelhas e diminuição na força muscular.

A transmissão da hanseníase se dá pelo contato com outras pessoas que já contraíram a doença, mas não realizaram tratamento. A doença não tem cura. O tratamento é gratuito e realizado nas unidades de saúde.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Saúde
Semana começa com 40 clínicos e dez pediatras atendendo na capital
Saúde
Nesta manhã, 15 pediatras atendem em apenas três unidades na Capital
Saúde
Nesta manhã dez pediatras e 44 clínicos atendem na capital
Saúde
Anvisa alerta sobre remédio usado por grávidas para enjôo
Saúde
Onze pediatras e 45 clínicos atendem nesta manhã de quarta-feira
Saúde
Confira nomes dos escolhidos para o Projeto Mais Médicos
Saúde
Nove pediatras e 44 clínicos atendem nesta manhã de terça-feira
Saúde
Surdos enfrentam dificuldade em atendimento na saúde
Saúde
Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo começa nesta segunda
Saúde
Semana começa com 37 clínicos e 11 pediatras atendendo na capital

Mais Lidas

Geral
Morre o empresário Antônio Farias, o "Baiano"
Polícia
Jaime Valler estava na lista da milícia para morrer
Geral
Pai encontra filho morto, enforcado com fio de nylon
Geral
Mulher morre por descarga elétrica ao tentar ligar máquina de lavar