Menu
Busca sexta, 23 de agosto de 2019
(67) 99647-9098
Saúde

Militares vão atuar de forma mais intensa no programa Mais Médicos

Militares vão atuar na recepção, hospedagem, transporte e distribuição dos médicos

16 janeiro 2019 - 15h37Da redação com Agência Brasil

Foi autorizado pelo Ministério da Defesa , o emprego das Forças Armadas para dar suporte a logística do Programa Mais Médicos. A decisão, foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) nesta quarta-feira (16), vale para todo o território nacional e detalha a atuação do Exército, da Marinha e da Aeronáutica.

Fernando Azevedo vai estar no comando das ações envolvendo os médicos militares no programa. Os militares vão atuar na recepção, hospedagem, transporte e distribuição dos médicos intercambistas e supervisores nos municípios de atuação em apoio ao programa.

Os militares participam do Mais Médicos na recepção dos integrantes do programa em aeroportos e no deslocamento aéreo para capitais e centros de capacitação.

O apoio logístico será feito de forma integrada com os ministérios da Saúde e da Educação e Casa Civil.

Prefeitura - Niver CG

Deixe seu Comentário

Leia Também

Saúde
Nove pediatras atendem em duas UPAs nesta manhã
Saúde
Onze pediatras e 42 clínicos atendem nesta manhã de quinta-feira
Saúde
Onze pediatras atendem nesta manhã de quarta-feira
Saúde
Em duas UPAs, nove pediatras atendem nesta manhã
Saúde
Consulta pública vai definir serviços essenciais da atenção primária
Saúde
João Gordo recebe alta do hospital após 10 dias internado
Saúde
Após tocar em médico infectado com sarampo, pessoas são vacinadas em MS
Saúde
Palestra sobre células-troncos e dentes de leite ocorrerá na ABO-MS
Saúde
UPAs Universitário e Coronel Antonino atendem com oito pediatras nesta manhã
Saúde
Novas ambulâncias serão entregues nesta sexta em Campo Grande

Mais Lidas

Geral
Confira a lista de sorteados cadastrados na EMHA
Geral
Vereador e filho são encontrados mortos a tiros dentro de casa
Oportunidade
Processo Seletivo do Senar/MS tem salários que chegam a R$ 6,5 mil
Polícia
Jovem é morto a tiros na frente da família