Menu
Busca quinta, 26 de novembro de 2020
(67) 99647-9098
TJMS Novembro20 Juizado de transito
Saúde

Três UPA's atendem com pediatra durante o dia na capital

Serão 15 profissionais distribuídos nas unidades no período matutino e vespertino

22 outubro 2020 - 08h47Sarah Chaves

A escala médica de urgência e emergência da rede pública de saúde de Campo Grande, funciona na manhã desta quinta-feira (22), com 50 médicos, clínico geral e 15 pediatras atendendo nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) e Centro Regional de Saúde (CRS).

O atendimento infantil poderá ser encontrado pela manhã e de tarde na UPA Coronel Antonino, Vila Almeida e Universitário, sendo 15 profissionais distribuídos nas unidades no período matutino e 15 no período vespertino.

O quadro de clínico geral é completo em todas as unidades em qualquer período do dia, com 51 médicos atendendo na capital a tarde e 52 a noite.

Já no período noturno, as unidades que contam com pediatras aumentam e 32 profissionais atendem as crianças. Confira abaixo a escala médica:

Deixe seu Comentário

Leia Também

Saúde
MPMS pede que a população atenda às medidas de biossegurança para evitar contágio de Covid-19
Saúde
Taxa de letalidade cai para 1,8%, mas número de infectados continua crescendo
Geral
Amigos lamentam morte de "Bocão" nas redes sociais
Saúde
Confira a escala médica nas UPAs e CRSs nesta quinta
Saúde
Campo Grande passa de 43 mil infectados por coronavírus
Saúde
Hemosul se une a hemocentros do país no Dia Nacional do Doador de Sangue
Saúde
Saiba quais UPAs contam com clínico geral e pediatras nesta quarta
Saúde
Hospital Regional está com 100% dos leitos UTI ocupados
Saúde
Em 24h, MS teve casos de covid-19 em 51 municípios
Saúde
Veja a escala de atendimento nas unidades de saúde da capital

Mais Lidas

Cidade
Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora inaugura Cidade do Natal
Saúde
MPMS pede que a população atenda às medidas de biossegurança para evitar contágio de Covid-19
Economia
Mercado de emprego fecha no azul pelo 5° mês consecutivo em MS
Geral
Onça ferida em incêndio no Pantanal melhora com tratamento de ozonioterapia