Menu
Busca quinta, 19 de setembro de 2019
(67) 99647-9098
Cidade

Racionamento é criticado nas redes: “Só vale em bairro pobre”

Entenda o motivo pelo qual seu bairro está na “lista de desabastecimento”

12 setembro 2019 - 15h35Joilson Francelino

A concessionária de abastecimento de Campo Grande, Àguas Guariroba, divulgou nesta semana uma lista de bairros que devem ficar desabastecidos no período de estiagem e gerou críticas nas redes sociais.

Internautas questionaram o fato do racionamento atingir, em sua maioria, os bairros de regiões mais pobres da capital. “Engraçado que dos bairros nobres nenhum entrou na lista”, comentou Iza Freitas. Jacira Jesus Oliveira comparou que “o dinheiro é igual na hora de pagar as contas”. “eles gastam muito mais com as mansões”, escreveu.

São diversos comentários questionando e, para esclarecer a dúvida do leitor, o JD1 Notícias apurou junto à concessionária o motivo da escolha das regiões. Por meio de assessoria, a empresa informou não está fazendo uma “seleção de bairros” e que houve estudo operacional para que as regiões fossem escolhidas.

Segundo concessionária o trabalho operacional foi feito com base no consumo e número populacional. Com o período de estiagem e a “situação climática atípica”, as regiões que têm maior número de pessoas acabam atingindo o pico de consumo, afetando os reservatórios que, atualmente, estão em nível de alerta.

O que está acontecendo em Campo Grande, segundo a Àguas, é referente à reserva de água, a demanda de reserva não está atendendo os picos de consumo por causa do período de estiagem. “O tempo de recuperação dos reservatórios não está conseguindo acompanhar o período de consumo alto”, informou.

A recomendação da concessionária é para que a população dessas regiões adote medidas de consumo consciente para que os reservatórios saiam do nível de alerta e o fonecimento seja normalizado. O período de racionamento seguirá enquanto durar o período de estiagem.

Confira a lista de bairros:

Alves Pereira, Piratininga, parte do Aero Rancho, Columbia, Anache, Jardim Presidente, Indubrasil, Santa Emília, Portal Caiobá, Tijuca I e II, Centenário, Moreninhas, Giocondo Orsi, Progresso, Mansur, Tiradentes, Flamboyant, Margarida, Estrela do Sul, Otávio Pécora, Coophasul, Laranjeiras, Coophatrabalho, Talismã, Seminário, Norte Parque, Carajás, Santa Luzia, Pioneiros, Campina Verde, Itamaracá, Bálsamo, Marajoara, Los Angeles, Dom Antônio Barbosa, Amambai, Taveirópolis, Coophamat, Aquarius, Rita Vieira, Paulo Coelho e Bela Laguna.

Toka do Jacare - perkal

Deixe seu Comentário

Leia Também

Cidade
Longen distribui mudas de árvores na Afonso Pena
Cidade
Prefeitura lança licitação de pavimentação do Tijuca
Cidade
14 de Julho tem trecho interditado para recapeamento
Cidade
Mais dois radares na Afonso Pena começam a multar
Cidade
Agehab prorroga suspensão de inscrições na capital
Cidade
Inmet prevê névoa seca e máxima de 39ºC nesta quinta-feira
Cidade
AO VIVO - Pinga fogo com diretor da EMHA; participe e esclareça suas dúvidas
Cidade
PMA autua infrator em mais de R$ 40 mil por desmatamento ilegal
Cidade
Presidente do Sintect-MS vai à ALEMS e faz apelo pela não privatização
Cidade
Terça-feira começa sem atrasos e cancelamentos no aeroporto da capital

Mais Lidas

Polícia
Mulher que desapareceu há um mês é encontrada morta por suicídio
Polícia
Após divulgação de imagem, homem faz acordo para devolver veículo
Polícia
Vídeo - Mortes em série de gatos no Villagio Parati intrigam moradores
Geral
Árvore cai e Espírito Santo está interrompida