Menu
Busca terça, 28 de janeiro de 2020
(67) 99647-9098
Perkal Topo - janeiro-20
Economia

Impostômetro da ACICG registra marca de R$ 700 bilhões

O imposto pago ao governo federal chegou a marca nesta terça-feira

09 abril 2019 - 11h15Da redação com assessoria

O Impostômetro da Associação Comercial e Industrial de Campo Grande (ACICG) registrou na manhã desta terça-feira (9), às 9h30, a marca de R$ 700 bilhões, valor que representa o total de multas, taxas, contribuições e impostos pagos pelos brasileiros desde o primeiro dia do ano. 

De acordo com a Associação, em 2018, esse montante foi arrecadado seis dias mais tarde, em 15 de abril. Em Mato Grosso do Sul, somente neste ano, a cifra de impostos pagos ao governo estadual já chega a R$ 7 bilhões. Marca alcançada sete dias mais tarde no ano passado. 

“No Brasil ninguém gosta de pagar imposto e a razão é muito simples: não é possível identificar o retorno desses recursos extraídos da economia. O aumento da arrecadação, além de gerar uma insatisfação dos agentes produtivos, também tem como resultado a redução da capacidade de crescimento do PIB”, analisa o economista-chefe da ACICG, Normann Kallmus. 

 

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Economia
Longen defende aproximação de MS com os EUA durante reunião com cônsul
Economia
Pequenos negócios devem aderir Simples Nacional até dia 31
Economia
Mega-Sena acumula e deve pagar R$ 40 mi no sábado
Economia
Confiança do Consumidor recua 1,2 ponto em janeiro
Economia
Brasil e Alemanha assinam acordo de cooperação no setor agrícola
Economia
Mato Grosso do Sul é o maior exportador de tilápia do Brasil
Economia
Receita Federal recupera R$ 5,2 bilhões em dívidas de empresas
Economia
Com simplificação no processo, MS bate recorde em abertura de negócios
Economia
Campo Grande é campeã em novas empresas em 2019
Economia
Dólar sobe mais uma vez e fecha o dia a R$ 4,19

Mais Lidas

Turismo
MS tem o Melhor Destino de Ecoturismo do Brasil
Geral
Curso de formação para aprovados em concurso PM/BM começa em 2 de março
Polícia
Homem e sobrinha de 7 anos são sequestrados e deixados amarrados em mata
Polícia
"Morri, porque matei inocentes", dizia bilhete encontrado com jovem executado