Menu
Busca sábado, 18 de janeiro de 2020
(67) 99647-9098
Perkal Topo - janeiro-20
Economia

Refis Natalino: Por causa do movimento, senhas serão entregues até as 18h

Até o momento 2.8 mil pessoas passaram pela central do IPTU

05 dezembro 2019 - 17h15Joilson Francelino e Jonathas Padilha

O movimento de contribuintes em busca de regularização com a prefeitura é grande na Central do IPTU, na tarde desta quinta-feira (5), último dia para aproveitar as condições do Programa de Pagamento Incentivado (PPI), também conhecido como Refis Natalino.

Ao JD1 Notícias, a chefe da divisão de arrecadação, Djanira Magalhães, afirmou que na última semana o movimento cresceu muito. “São em média 2 mil pessoas por dia desde segunda-feira”, informou. Desde as primeiras horas do dia até agora já passaram pela central mais de 2.800 pessoas. De acordo com o secretário de Finanças, Pedro Pedrossian Neto, a expectativa é atender mais de 4 mil contribuintes até o fim do dia.

A expectativa é passar de R$ 10 milhões em arrecadação. Por causa de o movimento ter aumentado hoje, as senhas que serão distribuídas até as 18h.

A oportunidade atrai contribuintes de todas as idades, é o exemplo do estudante Lyneguer Matos, 23 anos. Ele tem uma dívida de 4 anos e é a primeira vez que participa do programa. O jovem chegou cedo e aguarda na fila com aproximadamente dez pessoas a sua frente. "Só espero chegar em casa até 19h", disse.

A auxiliar de manutenção Deusedete Sena do Carmo, 60 anos, não se agradou com o desconto oferecido a ela. "Pouco desconto, R$20,00 só", disparou. Já a administradora Karen Balle, 33 anos, tem a expectativa de conseguir um bom desconto para pagar a vista.

Refis Natalino

Os créditos tributários e não tributários abrangidos por este programa poderão ser quitados das seguintes formas:

- À vista com a remissão de 90% (noventa por cento) da atualização monetária, dos juros de mora incidentes sobre o valor do crédito tributário e multa, quando houver; 

- Parcelado ou reparcelado, observado o máximo de 6 (seis) parcelas com remissão de 75% (setenta e cinco por cento) da atualização monetária, dos juros de mora incidentes sobre o valor do crédito tributário e multa, quando houver;

- Parcelado ou reparcelado, observado o máximo de 12 (doze) parcelas com remissão de 30% (trinta por cento) da atualização monetária, dos juros de mora incidentes sobre o valor do crédito tributário e multa, quando houver.

Na hipótese do interessado optar por regularizar seus débitos na modalidade de parcelamento ou reparcelamento na adesão e homologação do PPI, o valor mínimo da parcela não será inferior a R$ 50,00 (cinquenta reais) para pessoa física e de R$ 100,00 (cem reais) para pessoa jurídica, observados os procedimentos existentes na legislação que regulamenta a matéria.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Economia
Campo Grande é campeã em novas empresas em 2019
Economia
Dólar sobe mais uma vez e fecha o dia a R$ 4,19
Economia
Refis segue até março com superdescontos
Economia
PIS pode ser sacado nesta quinta para nascidos em janeiro e fevereiro
Economia
Brasil está se adequando para ser membro pleno da OCDE, diz Bolsonaro
Economia
Receita paga restituições do lote residual de janeiro do IRPF nesta quarta
Economia
Políticas Públicas no MS terão investimento de R$ 879 mil
Economia
Nota Premiada tem apoio da Fecomércio
Economia
Em 2019, agronegócio brasileiro exportou US$ 96,8 bi
Economia
Mega-Sena acumula e próximo sorteio pode pagar R$ 14 milhões

Mais Lidas

Cidade
Odilon Júnior participa de ato para regularização fundiária na “Favela do Linhão”
Economia
Campo Grande é campeã em novas empresas em 2019
Polícia
Quatro homens foram autuados em R$16 mil por exploração ilegal de madeira
Cidade
“Precisamos de eficiência para atrair grandes empreendimentos”