Menu
Busca sábado, 07 de dezembro de 2019
(67) 99647-9098
TJMS Dezembro-19
Educação

Decreto que institui Programa Ciência na Escola é publicado

03 dezembro 2019 - 09h31Priscilla Porangaba, com informações da Agência Brasil

O Programa Ciência na Escola que, entre outras medidas, objetiva aprimorar o estudo de ciências nas escolas de educação básica, estimular o interesse dos alunos pelas disciplinas científicas, identificar jovens talentos, qualificar professores e democratizar o conhecimento e popularizar a ciência no país, foi instituído pelo governo federal, por meio de decreto assinado pelo presidente da República, publicado no Diário Oficial da União desta terça-feira (3).

O programa estabelece ações como: a criação da Olimpíada Nacional de Ciências e a instalação do curso de especialização a distância, denominado Ciência é Dez!. Além disso, institui um Comitê Gestor, ao qual caberá deliberar sobre as estratégias de implantação e definir a política de monitoramento e avaliação do Ciência Na Escola.

O Comitê Gestor será formado por um representante do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, que o coordenará; um do Ministério da Educação; um da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; um do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; e um representante da sociedade civil.

De acordo com o decreto, o Comitê Gestor terá, entre outras funções, deliberar sobre as estratégias de implantação e sobre a política de monitoramento e avaliação do Programa; aprovar o regimento interno do comitê, no prazo de 60 dias, contado da data de sua instalação, e suas modificações; e recomendar a contratação de estudos e pesquisas.

A primeira reunião ordinária do Comitê Gestor do Programa Ciência na Escola ocorrerá no prazo de 60 dias, a contar a partir de hoje, data de publicação do Decreto nº 10.151/2019.

O programa foi lançado em abril deste ano pelos ministérios da Educação (MEC) e da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC). Serão disponibilizados R$ 100 milhões para instituições apresentarem projetos visando a estimular essa temática nos bancos escolares.

Poderão concorrer a esses recursos redes de instituições que envolvam escolas, universidades, centros de ciência e espaços de desenvolvimento científico e inovação. As verbas serão distribuídas em diferentes escalas de projetos, como estadual (R$ 4 milhões), interestadual (R$ 10 milhões) e regional (R$ 20 milhões).

Deixe seu Comentário

Leia Também

Educação
Confira os aprovados no concurso para Professor da Educação Básica
Educação
Consulta aos locais de reaplicação do Enem já está disponível
Educação
Inscrições para Sisu começam dia 21 de janeiro
Educação
Pré-matrículas para novos alunos em escolas municipais inicia hoje
Educação
Alunos brasileiros têm nota máxima em avaliação do Pisa
Educação
Na Câmara, secretária de Educação justifica fechamento de escolas
Educação
Prazo para renovar Fies termina neste sábado
Educação
Termina amanhã prazo para renovação do Fies
Educação
MEC vai liberar R$ 125 mi em recursos para universidades federais
Educação
Lei publicada nesta sexta, libera R$1,3 bi para a educação

Mais Lidas

Economia
Melhoria na logística da MS-306 gera desenvolvimento econômico
Saúde
Teste com os dedos pode revelar doenças
Polícia
Mãe pede ajuda para encontrar filho que desapareceu no Parati
Esportes
Brasileirão tem última rodada, saiba o que ainda está em disputa