Menu
Busca segunda, 24 de janeiro de 2022
(67) 99647-9098
TJMS Jan22
Geral

Marquinhos e Reinaldo entregam casas para ex-moradores da Cidade de Deus

As casas foram construídas para contemplar as famílias da antiga comunidade Cidade de Deus

27 novembro 2018 - 09h36Da redação com assessoria

Com sorriso no rosto, suor e dedicação, as famílias da antiga comunidade Cidade de Deus receberam, na segunda-feira (26), as 15 primeiras unidades habitacionais do Bom Retiro, de um total de 136 que serão entregues pela prefeitura de Campo Grande, em parceria com o Governo do Estado.

“Foi a conquista de um sonho.  Pessoas que moravam na favela e estão com sua casa própria, que foram totalmente edificadas, por eles mesmos. Isso tem muito valor”, declarou o prefeito Marquinhos Trad.

Emocionada, Salete Lúcio, proprietária de uma das casas fala sobre a satisfação que teve em poder ajudar a construir sua própria casa. “Todo esse tempo foi muito difícil. Ficar de barraco em barraco, mas com a graça de Deus eu consegui conquistar minha própria casa e posso dizer que muitos tijolos desta casa, eu mesma coloquei. Isso para mim é uma alegria muito grande”, contou.

Ao participar da entrega das casas, o governador Reinaldo Azambuja destacou a importância deste projeto. “É uma parceria extremamente positiva que construímos, prefeitura e governo do estado. O mais importante é ver a alegria dessas pessoas, que não tinham uma moradia digna e hoje recebem uma moradia com dignidade”, afirmou.

As moradias possuem 46 m² e são compostas por dois quartos, sala, cozinha, banheiro e área de serviço. Mais 32 moradias estão em fase final de construção e serão entregue conforme forem concluídas.

Os ex-moradores da Cidade de Deus, 128 trabalhadores, passaram por um ano de capacitação, recebendo um salário mínimo e uma cesta básica da prefeitura. No curso, realizado pela Fundação Social do Trabalho (Funsat), eles foram treinados para a função de pedreiro, eletricista, marceneiro, azulejista e pintor. Uma nova profissão para muitos deles.

A Agência Municipal de Habitação (EMHA) fez a readequação dos projetos, possibilitando a parceria com o Governo do Estado, que financiou a compra dos materiais, com custo de R$ 4,9 milhões.

Acompanharam a entrega das casas a diretora-presidente da Agência Estadual de Habitação (Agehab), Maria do Carmo Avezani, diretor-presidente da Funsat, Cleiton Franco, o diretor-presidente da Empresa Municipal de Habitação (Emha), Enéas Neto, e o deputado estadual professor Rinaldo.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Especialistas criam manual para reduzir atropelamentos de animais
Geral
Aeronave de empresa de Campo Grande faz pouso de emergência em Curitiba
Geral
Nando Reis cancela show após dar positivo para Covid
Geral
Gênero neutro: Entenda melhor a polêmica linguagem que vem sendo adotada na internet
Geral
Dados cadastrais de 160 mil chaves Pix são vazados
Geral
Atriz Elizangela é internada em estado grave por conta da Covid
Geral
Você viu Alemão? Gato desapareceu no CCZ da Capital
Geral
Filha de Arthur Aguiar tem parada respiratória e vai parar na UTI
Geral
Morre aos 94 anos dona Olinda mãe do presidente Jair Bolsonaro
Geral
Correios realiza leilão com 90 motocicletas na próxima semana

Mais Lidas

Polícia
Desaparecida há três dias, mulher é encontrada morta dentro de fossa
Polícia
Homem assassinado em fazenda caiu em emboscada de ex-marido da atual namorada
Polícia
Após 24h trabalhando, jovem bate moto em carro e morre na BR-158
Internacional
Arnold Schwarzenegger causa acidente e deixa uma pessoa gravemente ferida