Menu
Busca quarta, 16 de janeiro de 2019
(67) 99647-9098
IPVA Grande
Geral

Dono de restaurante é autuado por comercialização ilegal de combustível

O comerciante também foi multado por poluição e preso por desacato

14 junho 2018 - 08h12Da redação com PMA

Na quarta-feira (13) policiais militares ambientais de Cassilândia prenderam um comerciante por desacato, poluição, armazenamento e comercialização de combustíveis ilegalmente. O homem foi autuado em R$ 17 mil.

Segundo informações da assessoria da Polícia Militar Ambiental (PMA) o flagrante aconteceu depois que a corporação recebeu denúncias, de que o proprietário de um restaurante, Marco Antônio de Souza (44 anos), localizado à margem da rodovia BR-158, entre as cidades de Cassilândia e Paranaíba estaria comercializando combustível ilegalmente. 

Uma equipe foi ao local e encontrou armazenados diversos galões vazios e com combustível, que o infrator estava comercializando no local sem autorização ambiental. Além do armazenamento e comércio do produto perigoso, devido à falta de proteção, muito combustível caiu ao solo, causando contaminação. Ao todo 450 litros de combustível foram apreendidos.  

Durante a vistoria o infrator, que possui várias passagens penais, desacatou os policiais e, mesmo advertido dos crimes cometidos, não cessou os desacatos e foi preso.

Marco Antônio foi conduzido à delegacia de Polícia Civil de Cassilândia, juntamente com o combustível apreendido e foi autuado em flagrante por crime ambiental de armazenamento e comércio de substância perigosa sem a licença ambiental e por poluição, cujas penas é de um a quatro anos de reclusão, para cada tipo de crime.

O comerciante também responderá por desacato. Os agentes PMA confeccionaram ainda um auto de infração administrativo e arbitraram multa de R$ 17 mil contra Marco Antônio.

Sesc Novo

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Pais devem verificar "abusos" em lista de materiais escolares, diz Procon
Geral
Porta voz de Bolsonaro foi comandante de regimento em MS
Geral
“Não compensa”, diz sindicalista sobre tempo integral no governo
Geral
Cachorro tem boca "selada" com fita adesiva, em Rio Brilhante
Geral
Abelhas matam idosa de 81 anos
Geral
Serviços do Detran estão fora do ar nesta segunda
Geral
Sargento morre após helicóptero da PM cair durante patrulha
Geral
Alvará ambiental para bares da capital é tema de discussão
Geral
Bolsonaro comemora prisão de Battisti e diz que “Justiça será feita”
Geral
Mega acumula e pode pagar R$ 25 mi na terça-feira

Mais Lidas

Polícia
Após corte de energia em “região proibida”, dois funcionários são executados
Polícia
Suspeito de matar merendeira já foi preso por morder genitália de vizinha
Geral
“Não compensa”, diz sindicalista sobre tempo integral no governo
Cidade
Motorista de ônibus morre em acidente na BR-163