Menu
Busca domingo, 18 de abril de 2021
(67) 99647-9098
Governo Balada - topo - abril21
Geral

Alistamento no serviço militar 2019 já está aberto

A medida é válida para homens nascidos em 2001; prazo termina em 28 de junho

03 janeiro 2019 - 14h19Da Redação com Assessoria

O prazo para o alistamento no serviço militar já começou. A partir desta quarta-feira (2), os jovens brasileiros que nasceram em 2001 devem fazer o registro na página oficial.

A medida vale para as pessoas do sexo masculino, sejam elas cis ou transgêneros. As mulheres não atuam no serviço militar em tempos de paz.

O alistamento termina no último dia útil do mês de junho e é necessário possuir um número de CPF para validar as informações.

Quem não tem CPF deve levar a certidão de nascimento, comprovante de residência e identidade à Junta Militar. Para os que vivem no exterior e não têm número de CPF, o alistamento deve ser feito em uma repartição consular.

Prazo

Os convocados passam por uma seleção entre julho e outubro e, em seguida, recebem treinamento nos quartéis do Exército, Marinha ou Aeronáutica.

Essa opção só é feita na etapa de seleção. Se o jovem perder o prazo para se alistar, é preciso procurar a Junta Militar para quitar a multa de R$ 4,14.

Quem está irregular com o serviço militar fica impedido de assumir cargo público, tirar passaporte e se matricular em instituições de ensino, por exemplo.

Dispensa

Contudo, há situações específicas em que os rapazes podem ser dispensados do alistamento. Quem for o único responsável pelo sustento da família deve procurar a Junta Militar do município para deixar de participar do alistamento.

Já os portadores de necessidades especiais podem pedir a isenção do serviço militar. Nesses casos, é preciso apresentar um laudo médico que comprove o diagnóstico.

Serviço alternativo

Há ainda a possibilidade de se alistar para fazer um serviço alternativo. Isso é possível quando o candidato tem convicções religiosas ou políticas que o impedem de servir às Forças Armadas.

Nessas situações, o líder religioso, político ou filosófico deve redigir uma declaração para justificar o pedido. Junto da declaração, o jovem precisa entregar o requerimento de prestação de serviço alternativo.

Nome social

Durante a inscrição, os jovens podem optar por registrar o nome social. Para tanto, é necessário levar a certidão de nascimento, comprovante de residência, documento de identidade e o requerimento do uso do nome social.

APP JD1_android

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Pós em Advocacia Pública da EAGU está com inscrições abertas
Polícia
Jovem ferido por arma de fogo no Mário Covas segue internado e estável
Geral
Vaca cai de barranco, mas é "salva" pelos chifres a 50 metros de altura
Geral
Pessoas de 60 anos serão vacinadas neste fim de semana
Geral
Dupla da Páscoa sorteia prêmio de R$ 30 milhões amanhã
Geral
“Hora de agradecer”, diz Zeca Pagodinho ao ser vacinado contra Covid-19
Geral
Pagamento do auxilio emergencial é antecipado em 15 dias pela Caixa
Geral
Helen McCrory, a Narcisa de 'Harry Potter', morre aos 52 anos
Geral
Por engano, 46 pessoas são vacinadas contra Covid no lugar de dose contra a gripe
Geral
Covid: morre, aos 54 anos, presidente do Sindicato de Transporte Intermunicipal

Mais Lidas

Polícia
Jacaré é capturado dando 'rolê' em cidade de MS
Internacional
Estados Unidos inicia vacinação contra a Covid-19 em Nova York
Polícia
Morador de rua tenta matar desafeto a pauladas no interior do Estado
Polícia
Briga por capacete acaba em tentativa de homicídio