Menu
Busca domingo, 21 de abril de 2019
(67) 99647-9098
Geral

Antes de tentar suicídio, mulher avisa a polícia e se joga de viaduto

Antes mesmo da primeira viatura chegar no local, a vítima pulou

02 janeiro 2019 - 17h37Da redação

Na tarde desta quarta-feira (2) por volta das 15h50 uma mulher entrou em contato com a polícia através do 190, dizendo que se jogaria do viaduto da Salgado Filho com a avenida Ernesto Geisel.

Após a ligação, a mulher não esperou nem cinco minutos e nem mesmo a chegada do Corpo de Bombeiros, e antes mesmo da primeira viatura chegar no local se atirou sobre o asfalto na Ernesto Geisel.

A via ficou interditada para o atendimento da mulher que foi socorrida e encaminhada para a Santa Casa de Campo Grande.

O JD1 Notícias entrou em contato com a assessoria do hospital, e foi informado que a mulher foi levada para a área vermelha onde aguarda a chegada de familiares e não revelou a identidade dela, pois a vítima está sem documentos. Ela está bem, sofreu apenas escoriações pelo corpo, e fará um exame de imagem para saber se tem alguma fratura. A mulher não corre risco de morte.

pmcg - prestação de contas

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Avianca cancela 50 voos em Campo Grande
Geral
TRE divulga gabarito do processo seletivo para estagiários de ensino médio
Geral
Mega acumula e poderá pagar R$ 90 milhões na quarta-feira
Geral
Seminário em memória às vítimas de acidente de trabalho acontece nesta segunda, na capital
Geral
Canal eletrônico de ouvidoria da Agepan completa um ano
Geral
Status de área livre de aftosa sem vacinação é oportunidade estratégica para MS
Geral
Páscoa pode ser farta até para quem tem restrições alimentares
Geral
Meningite mata jornalista conhecido em MS
Geral
Feriado de Páscoa requer atenção redobrada nas estradas
Geral
Simpósio sobre segurança pública acontece na segunda-feira, na capital

Mais Lidas

Polícia
Casal morre em acidente na MS-164
Polícia
Homem tem mãos decepadas, na fronteira
Polícia
Ex-radialista é morta com 24 facadas pelo sobrinho
Geral
Meningite mata jornalista conhecido em MS