Menu
Busca terça, 25 de janeiro de 2022
(67) 99647-9098
TJMS Jan22
Geral

Reinaldo cria corregedoria para apurar irregularidades

A Corat funcionará como órgão de assessoramento subordinado pela Sefaz

26 dezembro 2018 - 16h58Da redação

O governador Reinaldo Azambuja sancionou nesta quarta-feira (26), o projeto de autoria do Executivo estadual que institui a Corregedoria-Geral da Administração Tributária (Corat), no âmbito da Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz).

De acordo com o documento enviado à Casa de Leis pelo próprio governador, a função principal da Corregedoria será prevenir e apurar eventuais irregularidades praticadas por agentes públicos no exercício de atividades relativas à administração tributária.

O texto trata ainda sobre o dever de sigilo quanto às informações sobre a situação econômica ou financeira de contribuintes ou de terceiros e sobre a natureza e o estado de seus negócios ou atividades. A Corat vai funcionar como órgão de assessoramento diretamente subordinado ao secretário de Fazenda.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Procon: Multas em postos de combustíveis tiveram um aumento de 37% em 2021
Geral
Governador amplia isenção de ICMS para pessoas portadoras de síndrome de Down
Geral
Casal morre em colisão frontal entre carro e caminhão na BR-262
Geral
Idoso é atacado por sucuri gigante e pescadores se desesperam para socorre-lo; veja
Geral
Especialistas criam manual para reduzir atropelamentos de animais
Geral
Aeronave de empresa de Campo Grande faz pouso de emergência em Curitiba
Geral
Nando Reis cancela show após dar positivo para Covid
Geral
Gênero neutro: Entenda melhor a polêmica linguagem que vem sendo adotada na internet
Geral
Dados cadastrais de 160 mil chaves Pix são vazados
Geral
Atriz Elizangela é internada em estado grave por conta da Covid

Mais Lidas

Polícia
Mulher é encontrada morta em motel de luxo da Capital
Polícia
Médico de MS morre em praia da Bahia
Polícia
Perita teria recebido visita antes de ser encontrada morta em motel de luxo
Polícia
JD1TV: Mulher encontrada morta em motel de luxo era agente do Imol