Menu
Busca quinta, 25 de fevereiro de 2021
(67) 99647-9098
Governo - campanha estado que cresce - Topo
Geral

Unei Dom Bosco finaliza novo bloco e amplia capacidade

24 julho 2012 - 09h51Reprodução

A Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), através da Superintendência de Assistência Socioeducativa (SAS) finalizou as obras do novo bloco que integra a Unidade de Educação Interna (Unei) Dom Bosco, em Campo Grande. As obras, realizadas pela Agência Estadual de Gestão e Empreendimentos (Agesul), receberam um total de recursos estaduais de R$ 405 mil. O novo bloco tem capacidade para 32 jovens, divididos em oito alojamentos que possuem banheiro, chuveiro elétrico, duas camas e um beliche, obedecendo aos padrões de segurança, atendimento e visitas.

De acordo com o superintendente de Assistência Social, coronel Hilton Villassanti Romero, as novas instalações cumprem as determinações do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) e representam as buscas pela melhoria da gestão do adolescente interno. “A conclusão das novas instalações representa o cumprimento das medidas do ECA, em especial o Artigo 123, que preconiza a internação em local distinto, obedecendo uma rigorosa separação por critérios de idade, porte físico e gravidade da infração. Estamos ampliando os direitos do reeducando e cumprindo efetivamente as medidas do ECA. A administração juntamente com a direção da Unidade terão mais um instrumento para auxiliar na educação dos jovens”, afirmou o superintendente.

O novo setor amplia para 86 a capacidade da Unidade e tem como principal objetivo a separação dos reeducandos mais jovens e primários, dos mais velhos e também dos que cometeram infrações graves e reincidentes. A triagem dos jovens será realizada e coordenada por uma Comissão composta pela direção e técnicos, que direcionarão os reeducandos para as novas instalações.

Para o diretor da Unei Dom Bosco, Jair da Costa Carvalho, o novo setor contribuirá na reintegração dos adolescentes e também auxiliará nas atividades educacionais já realizadas pela Unidade. “A reintegração através das Uneis começa imediatamente no momento em que o jovem chega. Por isso é importante que o reeducando primário e mais jovem tenha o seu próprio setor, diferenciado dos setores dos adolescente mais velhos e reincidentes. É um grande avanço para esta Unei, que cumpre as medidas da Lei e busca a ressocialização do reeducando”, disse o diretor.

Via Notícias MS

cartorio2RI

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Carol Nakamura passa semana em Bonito
Geral
TRE-MS: Daniel Castro e Monique Marchioli assumem a Ouvidoria Eleitoral
Geral
AO VIVO: 37 mil doses de vacina desembarcam na capital
Geral
Lojas da capital cumprem "promessas" a clientes que acertaram tombo de Conká
Geral
Longen e Contar discutem ampliação de projeto onde presos reformam escolas
Geral
Covid: Paulo Corrêa negocia proposta para priorizar vacinação de professores
Geral
"Mostrou sua cara", diz jornalista de MS criticado por Karol Conká
Geral
Acumulada há 5 sorteios, Mega-Sena paga R$ 42 mi nesta quarta
Geral
Depois da covid, médico tem complicações e precisa de sangue
Geral
Marquinhos solicita verba federal para obras de controle de enchente e saúde

Mais Lidas

Polícia
Jacaré é capturado dando 'rolê' em cidade de MS
Internacional
Estados Unidos inicia vacinação contra a Covid-19 em Nova York
Polícia
Morador de rua tenta matar desafeto a pauladas no interior do Estado
Polícia
Briga por capacete acaba em tentativa de homicídio