Menu
Busca terça, 30 de novembro de 2021
(67) 99647-9098
TJMS nov21
Internacional

Coreia do Norte dispara míssil balístico para o mar do Japão

19 outubro 2021 - 10h26Sarah Chaves com informações da Agência Brasil

Segundo o Estado-Maior Conjunto da Coreia do Sul, a Coreia do Norte lançou um míssil balístico para o mar do Japão. O lançamento partiu da localidade de Sinpo, no leste do país e teria sido lançado a partir de um submarino ou de uma plataforma submersa, dizem os analistas.

Pyongyang tem desenvolvido vários testes com mísseis nas últimas semanas, incluindo um com armas hipersónicas e de longo alcance.

Alguns dos testes realizados pela Coreia do Norte estão proibidos pelas Nações Unidas, como os de mísseis balísticos e com armas nucleares.

O míssil lançado hoje tinha sido apresentado em janeiro por Pyongyang como “a arma mais poderosa do mundo”. A Coreia do Sul também anunciou ter armamento semelhante há apenas algumas semanas, numa corrida às armas em plena Península coreana.

O secretário-geral adjunto do Japão, Yoshihiko Isozaki, disse que dois mísseis balísticos foram estimados para serem disparados durante o lançamento de terça-feira, enquanto os militares da Coreia do Sul anunciaram apenas um projétil.

“As últimas ações da Coreia do Norte ameaçam a paz e a segurança do Japão e da região”, disse Isozaki. “Além disso, os contínuos lançamentos de mísseis balísticos representam um sério desafio não apenas para o Japão, mas para toda a comunidade internacional.”

Tecnicamente, as Coreias continuam em guerra, uma vez que a Guerra da Coreia, que dividiu a península em dois países, terminou em 1953 com um armistício.

A informação sobre o lançamento do míssil foi confirmada por responsáveis militares da Coreia do Sul, que acreditam que o míssil em causa voou cerca de 450 quilómetros a atingiu altura de 60 quilômetros.

“Os nossos militares estão monitorando de perto a situação e mantendo uma postura de prontidão, em estreita colaboração com os Estados Unidos, de forma a preparar possíveis lançamentos”, adiantam os chefes militares em Seul, em comunicado.

Esforços diplomáticos

Esta não é a primeira vez que a Coreia do Norte testa um míssil a partir de uma plataforma subaquática. Em outubro de 2019, o país lançou o míssil submarino Pukguksong-3. A agência estatal de notícias KCNA informou que a ação pretendia minimizar uma “ameaça externa”.

O míssil foi lançado em trajetória vertical, mas se tivesse percorrido um percurso padrão poderia ter atingido o território da Coreia do Sul ou do Japão.

Estados Unidos

As Forças Armadas dos Estados Unidos condenaram hoje o lançamento, pela Coreia do Norte, do míssil balístico disparado a partir de um submarino e apelaram a Pyongyang para "se abster de novos atos desestabilizadores".

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Internacional
Paris contará com carros voadores elétricos nas Olimpíadas de 2024
Internacional
BioNTech começa a trabalhar em vacina para combater nova variante
Internacional
Casos da variante Ômicron são detectados em mais países da Europa
Internacional
Bélgica detecta 1º caso de nova variante do coronavírus na Europa
Internacional
Agência reguladora do Chile aprova CoronaVac em crianças maiores de 3 anos
Internacional
Papai Noel vive romance gay em propaganda dos correios da Noruega
Internacional
Apaixonado, jogador italiano transferiu R$ 4,3 milhões para fake de atriz brasileira
Internacional
Grammy anuncia lista de indicados para o prêmio em 2022
Internacional
Acidente com ônibus deixa 45 pessoas mortas
Internacional
Rússia vai retomar importação de carnes bovina e suína do Brasil

Mais Lidas

Opinião
O "mistério" dos ônibus de Campo Grande
Geral
Vizinhos lamentam morte de motociclista que foi assassinado na Mata do Jacinto
Polícia
Mulher fura sinal vermelho, colide em Celta e capota na Elias Zahran
Polícia
Homem é morto com golpes de capacete após atropelar criança