Menu
Menu
Busca sábado, 15 de junho de 2024
Prefeitura Refis Junho24
Internacional

Estados Unidos derrubam 'OVNI' suspeito no Alasca

A origem do objeto e sua funcionalidade permanecem sem resposta para as autoridades norte-americanas

11 fevereiro 2023 - 17h41Da redação

As Forças Armadas dos Estados Unidos derrubaram um objeto não identificado que sobrevoava o estado do Alasca nesta sexta-feira (10). Segundo autoridades dos EUA, a ação ocorreu por ordem do presidente Joe Biden. O porta-voz do governo dos EUA confirmou a ação.

O anúncio marca a segunda vez que caças americanos derrubaram um objeto voando sobre o espaço aéreo dos EUA em pouco menos de uma semana, após a decisão de Biden de abater um balão chinês suspeito de espionagem na costa da Carolina do Sul no último sábado.

Desta vez, o presidente tomou medidas mais decisivas para derrubar rapidamente o objeto no Alasca, mas questões importantes sobre a origem do objeto e sua funcionalidade permanecem sem resposta.

Depois que o objeto foi detectado pela primeira vez na quinta-feira (9), caças F-35 foram enviados para investigá-lo, de acordo com um funcionário dos EUA. O objeto, disse o coordenador do Conselho de Segurança Nacional para comunicações estratégicas, John Kirby, durante uma coletiva de imprensa na Casa Branca, estava voando a uma altitude de 12 quilômetros e “representava uma ameaça razoável à segurança de voos civis”.

Os caças foram investigar o objeto novamente na manhã de sexta-feira. Ambas as aproximações renderam informações “limitadas”, disse Kirby aos repórteres.

“Alguns caças voaram ao redor do objeto antes da ordem de derrubá-lo, e a avaliação dos pilotos foi de que não havia tripulação”, acrescentou Kirby.

O objeto foi derrubado por aviões de caça atribuídos ao Comando Norte dos EUA. E autoridades dos EUA disseram que o objeto foi derrubado sobre as águas congeladas do Oceano Ártico, perto da fronteira canadense, a cerca de 16 quilômetros da costa norte do Alasca. Os EUA esperam recuperar os destroços.

Reportar Erro

Deixe seu Comentário

Leia Também

Vídeo: Visitantes ficam pendurados de ponta-cabeça em brinquedo parque de diversões
Internacional
Vídeo: Visitantes ficam pendurados de ponta-cabeça em brinquedo parque de diversões
JD1TV: Jovens morrem ao caírem de 12 metros de altura enquanto esperavam show em boate
Internacional
JD1TV: Jovens morrem ao caírem de 12 metros de altura enquanto esperavam show em boate
Kate Middleton publica primeira foto após ser diagnosticada com câncer
Geral
Kate Middleton publica primeira foto após ser diagnosticada com câncer
Putin estabelece condições para negociar paz com a Ucrânia
Internacional
Putin estabelece condições para negociar paz com a Ucrânia
Brasileira ferida em bombardeio israelense no Líbano recebe alta médica
Internacional
Brasileira ferida em bombardeio israelense no Líbano recebe alta médica
Reunião do G7 na Itália
Internacional
Biden pedirá que líderes do G7 intercedam por acordo de cessar-fogo com o Hamas
Conselho de Segurança da ONU aceita proposta de cessar-fogo em Gaza
Internacional
Conselho de Segurança da ONU aceita proposta de cessar-fogo em Gaza
Avião com vice-presidente do Malawi desaparece
Internacional
Avião com vice-presidente do Malawi desaparece
JD1TV: Empresa faz 1º "delivery" com drone no Monte Everest
Internacional
JD1TV: Empresa faz 1º "delivery" com drone no Monte Everest
Juiz mantém mandado de prisão de "Maquito" por homicídio no Nova Lima
Justiça
Juiz mantém mandado de prisão de "Maquito" por homicídio no Nova Lima

Mais Lidas

IMAGENS FORTES: mulher morre após ser devorada por rottweilers em casa de prostituição
Polícia
IMAGENS FORTES: mulher morre após ser devorada por rottweilers em casa de prostituição
JD1TV: Jovens morrem ao caírem de 12 metros de altura enquanto esperavam show em boate
Internacional
JD1TV: Jovens morrem ao caírem de 12 metros de altura enquanto esperavam show em boate
À polícia, homem contou que disparo foi acidental, versão que é contestada por amigos da vítima
Polícia
Homem que deu tiro na cabeça de esposa passou em bar antes de voltar para local do crime
Vítima, que era pessoa com deficiência, não tinha família na Capital e era próxima dos vizinhos
Polícia
Marido de mulher baleada na cabeça já havia quebrado perna da vítima