Menu
Busca segunda, 18 de fevereiro de 2019
(67) 99647-9098
Internacional

Papa aceita renúncia de arcebispo acusado de encobrir abusos nos EUA

Arcebispo de Washington, Donald Wuerl, é acusado de negligenciar mais de mil casos de abusos contra crianças e adolescentes cometidos por sacerdotes entre 1988 e 2006

12 outubro 2018 - 12h33Da Redação com Estadão

O papa Francisco aceitou a renúncia do arcebispo de Washington, Donald Wuerl, acusado de encobrir mais de mil casos de abusos sexuais cometidos por sacerdotes da Igreja Católica nos Estados Unidos. Na carta em que aceita o pedido, o pontífice disse que o cardeal colocou os interesses da congregação na frente de suas próprias ambições, o que devem fazer todos nessa posição.

"Você tem elementos suficientes para justificar suas ações e distinguir entre o que significa encobrir delitos ou não enfrentar os problemas e cometer alguns erros", escreveu o papa. "Sua nobreza te levou a não eleger essa forma de defesa. Por isso, estou orgulhoso e lhe agradeço."

Uma investigação divulgada em agosto acusou Wuerl de ter encoberto 301 sacerdotes que abusaram de mais de mil crianças e adolescentes enquanto era bispo na Pensilvânia, entre 1988 e 2006. Além disso, foi muito criticado por insistir que desconhecia os supostos abusos cometidos pelo ex-arcebispo de Washington, Theodore McCarrick.

Segundo comunicado do Vaticano, o pontífice ainda não nomeou um substituto. Enquanto um novo arcebispo não for designado, Wuerl, de 77 anos, continuará como cardeal. 

Em resposta ao papa, Wuerl disse estar "profundamente agradecido" e "profundamente comovido por suas amáveis palavras de compreensão". "Minha renúncia é uma forma de expressar meu grande e permanente amor por vocês, as pessoas da Igreja de Washington."/AP, EFE e AFP.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Internacional
Militares bloqueiam ponte entre Venezuela e Colômbia
Internacional
Cúpula no Uruguai defende solução interna para a Venezuela
Internacional
Trump confirma muro na fronteira com México
Internacional
Sabrina Bittencourt, que ajudou a denunciar João de Deus, comete suicídio
Internacional
Vale responderá a ações coletivas nos EUA
Internacional
Militares manifestam apoio a Maduro
Internacional
Guaidó quer democracia e respeito na Venezuela
Internacional
Maduro rompe relações diplomáticas com EUA
Internacional
Bolsonaro cancela entrevista coletiva com jornalistas em Davos
Internacional
Bolsonaro quer a América do Sul “grande e não bolivariana”

Mais Lidas

Polícia
Desaparecimento de jovem ainda é um mistério para a polícia
Saúde
Câncer de ovário tem sintomas discretos e pode evoluir rapidamente
Geral
PM e PF apreendem contrabando de celulares avaliado em R$ 3 milhões
Geral
Boechat morreu de politraumatismo, aponta laudo do IML