Menu
Busca sexta, 07 de maio de 2021
(67) 99647-9098
Gov_MS-Cresce_Maio21
Internacional

Pastor que publicou sessão de "cura gay" tem canal bloqueado no Youtube

"Essa decisão foi tomada às pressas", escreveu T.B. Joshua no Facebook

16 abril 2021 - 15h32Sarah Chaves com informações da BBC

O pastor de TV nigeriano T.B. Joshua, teve a conta do Youtube suspensa depois que  uma entidade de direitos humanos entrou com uma queixa ao analisar pelo menos sete vídeos mostrando o pregador fazendo orações para "curar" gays, o acusando de praticar discurso de ódio.

TB Joshua é um dos pastores mais influentes da África, com políticos importantes entre seus seguidores. Sua conta no YouTube tinha 1,8 milhão de assinantes antes de ser bloqueada. O pastor disse que vai recorrer da decisão do YouTube.

O Facebook também removeu pelo menos um dos posts ofensivos mostrando uma mulher sendo esbofeteada enquanto T.B. Joshua diz que está expulsando um "espírito demoníaco" de seu corpo.

A openDemocracy, sediada no Reino Unido, apresentou uma queixa contra ele depois de analisar sete vídeos postados no canal de T.B. Joshua no YouTube entre 2016 e 2020, que mostram o pregador fazendo orações para "curar" os gays. 

O vídeo é uma atualização de uma sessão de oração de uma mulher chamada Okoye, transmitida pela primeira vez em 2018.Nele, T.B. Joshua dá um tapa e empurra Okoye e uma mulher não identificada pelo menos 16 vezes e diz a Okoye: "Há um espírito perturbando você. Ela se transplantou para você. É o espírito da mulher", relata o openDemocracy em sua queixa.Um porta-voz do YouTube disse ao openDemocracy que o canal foi fechado porque sua política "proíbe conteúdo que alega que alguém está mentalmente doente, enfermo ou inferior por causa de sua participação em um grupo protegido, incluindo orientação sexual".

O vídeo, que foi visto por mais de 1,5 milhão de usuários antes do canal do YouTube ser retirado do ar, mostra posteriormente o testemunho da mulher perante a congregação de que "o espírito" estava destruindo sua vida, mas que foi curada após as orações do pastor. Ela declara que deixou de ter "afeição" pelas mulheres e "agora tenho afeição pelos homens".

Um post na conta do Facebook de T.B. Joshua disse: "Temos um relacionamento longo e frutífero com o YouTube e acreditamos que essa decisão foi tomada às pressas."

Girafa

Deixe seu Comentário

Leia Também

Brasil
Deputado diz que Bolsonaro pode ter doença mental e defende interdição
Internacional
Terceira morte relacionada à vacina da AstraZeneca é registrada no Canadá
Internacional
Mulher do Mali dá à luz 9 bebês em caso raríssimo
Internacional
Acusado de roubo, homem é queimado vivo por populares
Internacional
Enorme foguete chinês descontrolado entrará na Terra em poucos dias
Internacional
Certificado aponta que causa da morte do príncipe Philip foi velhice
Internacional
Vídeo: viaduto desaba, causa 23 mortes e deixa 70 feridos no México
Internacional
Vídeo: Após briga, casal se joga do 12° andar de prédio
Saúde
Rússia produz primeiro lote de vacina contra covid para animais
Internacional
Ray Reyes, ex-integrante do grupo Menudo, morre aos 51 anos

Mais Lidas

Polícia
Jacaré é capturado dando 'rolê' em cidade de MS
Internacional
Estados Unidos inicia vacinação contra a Covid-19 em Nova York
Polícia
Morador de rua tenta matar desafeto a pauladas no interior do Estado
Polícia
Briga por capacete acaba em tentativa de homicídio