Menu
Busca terça, 23 de julho de 2019
(67) 99647-9098
Justiça

Elizabete Anache toma posse como desembargadora nesta quarta

A juíza a sexta mulher a ocupar o mais alto cargo no Poder Judiciário sul-mato-grossense

23 janeiro 2019 - 10h54Da redação com informações da assessoria

A juíza Elizabete Anache toma posse no cargo de desembargadora do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul (TJ-MS) em solenidade nesta quarta-feira (23), no plenário do Tribunal Pleno do TJ-MS.

A magistrada será a sexta mulher a compor a mais alta Corte de Justiça do Poder Judiciário sul-mato-grossense e a primeira a alcançar o cargo pelo critério merecimento. O concurso de promoção ocorreu em sessão realizada no dia 12 de dezembro de 2018, na qual os desembargadores do Tribunal Pleno votaram o preenchimento da vaga deixada pelo Des. Manoel Mendes Carli, falecido em novembro.  Na lista tríplice figuraram também os juízes Luiz Antonio Cavassa de Almeida e Fernando Paes da Campos.

Trajetória

Elizabete Anache nasceu em Campo Grande e ingressou na magistratura em fevereiro de 1994, na 1ª circunscrição, depois de ser aprovada no XVI concurso de provas e títulos. Uma promoção em novembro do mesmo ano, levou a juíza para a comarca de Bataguassu.

Em novembro de 1996, foi promovida para Bela Vista, comarca de segunda entrância. Por remoção, em julho de 2000, passou a judicar em Aquidauana. Em novembro do ano seguinte, a juíza foi promovida para Campo Grande e titularizou a 1ª Vara de Família e Sucessões da Capital, comarca de entrância especial.

Em junho de 2009, por remoção, deixou a 1ª Vara de Família para titularizar a 17ª Vara Cível Virtual, onde permaneceu até a promoção para desembargadora. Integrou a Turma Recursal por dois anos.

Por três vezes atuou como juíza auxiliar da presidência do TJMS e também já foi juíza auxiliar da Corregedoria Geral de Justiça, onde permaneceu até janeiro de 2017. Atualmente integra o Tribunal Regional Eleitoral de MS (TRE/MS) na classe juiz de direito e é também a ouvidora eleitoral do estado.

Roberto Carlos

Deixe seu Comentário

Leia Também

Justiça
Suspeito de matar pastor, filho biológico de Flordelis dispensa advogados
Justiça
PF prende quatro pessoas suspeitas de invadir celular de Sergio Moro
Justiça
Número de cadastrados em sistema biométrico chega a 69%
Justiça
Jovem é estuprada após festa e descobre crime por vídeo na internet
Justiça
Por unanimidade, Soraya perde ação na Justiça para suplente
Justiça
“Não deu tempo de prepará-lo para isso”, diz avó de Bruninho
Justiça
"Decisão sobre dados do COAF não impede investigações", diz Toffoli
Justiça
Rigo entra com recurso baseado em decisão de Toffoli
Justiça
Após atacar bar no Facebook, críticos terão que pagar indenização
Justiça
TJ derruba liminar e mantém oito horas

Mais Lidas

Justiça
Por unanimidade, Soraya perde ação na Justiça para suplente
Economia
Abono salarial começa a ser pago na quinta-feira; confira calendário
Geral
Homem chega ao sítio do pai e comete suicídio
Polícia
Pai arrecada R$ 1 mi para tratamento do filho e foge com valor