Menu
Menu
Busca sexta, 21 de junho de 2024
Governo - Vazio sanitario Jun24
Polícia

Após agredir esposa, filho de vereador é preso por ameaçar médicos e policiais

Eduardo, de 31 anos, é filho do vereador de Santa Rita do Pardo, o Cirção: "meu pai manda aqui"

19 maio 2024 - 15h11Da Redação

Na madrugada deste domingo (19), um homem, de 31 anos, identificado como Eduardo, foi preso em flagrante pela Polícia Militar de Santa Rita do Pardo, acusado de agredir a companheira, na região central da cidade. Durante a prisão, Eduardo ameaçou e xingou a guarnição da PM e a médica que atendeu a vítima, dizendo que seu pai é vereador e manda no hospital. 

De acordo com informações do portal Cenário MS, Eduardo é filho do vereador e ex-presidente da Câmara Municipal de Santa Rita do Pardo, Cícero Alves da Silva, o Cirção.

Agressão, prisão e ameaças

Segundo o registro do caso, por volta das 6h da manhã de hoje, uma mulher identificada como sobrinha da vítima, pediu ajuda da Polícia Militar afirmando que Eduardo estava trancado dentro do quarto do casal e agredia a esposa.

A equipe da PM foi até o local e constatou que havia excesso de sangue pela casa.

Em depoimento, a vítima contou que acordou com o marido urinando dentro do roupeiro do casal e quando tentou questionar, foi agredida por ele. A mulher, de 40 anos, apresentava um corte profundo na cabeça.

Conforme o registro, o marido bateu a cabeçada esposa contra a cama e o chão, causando o ferimento. A vítima também sofreu mordidas pelo agressor. 

A esposa de Eduardo foi socorrida até o Pronto Socorro do Hospital Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, onde ficou internada sob cuidados médicos. 

O boletim de ocorrência informa que durante atendimento médico, o agressor ameaçou a equipe policial. "Vagabundos. Sou filho do vereador Cirção".

Eduardo foi submetido a exames de corpo de delito, regular da ocorrência e durante o procedimento, o homem passou a intimidar a médica plantonista. "Meu pai é vereador nessa cidade. Ele que manda aqui nesse hospital"z

Após comportamento, o agressor foi algemado e conduzido até a Delegacia de Polícia Civil de Santa Rita do Pardo, autuado pelos crimes de desacato, violência doméstica e lesão corporal dolosa, aquela que há a intensão de ferir a vítima. 

O crime cometido por Eduardo é inafiançável, por isso o agressor ficará preso até essa segunda-feira (20), quando será submetido à audiência de custódia.

Reportar Erro

Deixe seu Comentário

Leia Também

Fora da 'Malhação', 'Fatinha' é presa por matar idoso com 18 facadas em Naviraí
Polícia
Fora da 'Malhação', 'Fatinha' é presa por matar idoso com 18 facadas em Naviraí
Os dois seguiam de moto pela rodovia quando o acidente aconteceu e o piloto faleceu
Polícia
Mulher fica abraçada no marido morto após ele ter cabeça esmagada por carreta na BR-262
Moradora de Ponta Porã morre ao ter AVC aos 37 anos
Polícia
Moradora de Ponta Porã morre ao ter AVC aos 37 anos
Marly Norimi é secretária de Planejamento e Finanças
Polícia
Homem que sequestrou e roubou secretária de finanças de Porto Murtinho é preso
Grávida de 9 meses é espancada pelo namorado em Rio Brilhante
Polícia
Grávida de 9 meses é espancada pelo namorado em Rio Brilhante
Os dois acordaram com a casa que moram em chamas durante a madrugada
Polícia
Mulher e sobrinho sofrem queimaduras de 3° grau durante incêndio em Rio Brilhante
Agência do Detran de Angélica fecha para reforma
Polícia
Agência do Detran de Angélica fecha para reforma
Com apoio do neto, idoso foi colocado na viatura e levado para registrar um boletim de ocorrência
Polícia
Idoso de 94 anos leva paulada em assalto e suspeita recai aos filhos no São Conrado
Caminhoneiro era natural de Santa Catarina
Polícia
Caminhoneiro encontrado morto em posto estava com 51 compridos 'desconhecidos'
O motorista e o passageiro não tiveram ferimentos pelo corpo
Polícia
Caminhonete capota várias vezes após pneu estourar na BR-060, em Paraíso das Águas

Mais Lidas

Breno Souza Firmino, de apenas 16 anos, atuava como volante na equipe SUB-17 da Portuguesa
Polícia
Adolescente de time de MS morre na Capital
Leonildo Herrero atuou por 38 anos na Santa Casa da Capital
Geral
Morre o médico Leonildo Herrero
Antes e depois do entorno no empreendimento
Cidade
'Cracolândia' da região da Antiga Rodoviária ganha empreendimento privado
JD1TV AGORA: Antiga fábrica da Frutilla pega fogo em Campo Grande
Polícia
JD1TV AGORA: Antiga fábrica da Frutilla pega fogo em Campo Grande