Menu
Menu
Busca sexta, 12 de abril de 2024
Polícia

Familiares, amigos e vizinhos tiveram crise de choro ao ver Baygon morto na calçada

"Vi crescer desde os 10 anos. Tinha seus erros, mas sempre cuidou da gente aqui do bairro", comentou uma vizinha com o JD1

30 março 2024 - 10h49Brenda Assis e Luiz Vinícius

A tristeza tomou conta de familiares, amigos e vizinhos ao verem Anderson Vicente Chagas, de 45 anos, conhecido como 'Baygon', sem vida na calçada da Avenida Souza Lima, no Núcleo Habitacional Universitárias, em Campo Grande. Apesar de seu passado turbulento, quem o viu crescer relatou ter tido crises de choro logo após sua execução. 

O JD1 Notícias acompanhou os trabalhos policiais e conversou com vizinhos. Bastante abalados, eles relataram os fatos, que começaram com os fortes estrondos dos disparos. Uma moradora, que viu 'Baygon' crescer desde os 10 anos, disse ter entrado para dentro de casa pra chorar. 

"Me deu uma crise de choro quando vi que era ele. Conheço desde que tinha 10 anos, vi crescer. Ajudava a gente aqui. Um homem bom, tranquilo, só mexeu com coisa errada. Uma pena", comentou. 

Alguns relatos apontaram que ele 'cuidava' da vizinhança, uma vez que não deixava que roubos ou danos acontecessem as residências do entorno da casa onde morava. Nas intermediações, Baygon era querido por todos.

As lamentações, a respeito da morte de Anderson, também se estenderam para as redes sociais. Momentos depois, enquanto as equipes policiais trabalhavam no local, amigos passaram a fazer publicações de despedida. 

"Você partiu deixando saudades. E agora? Cadê o cara que nos anima? O que vou fazer? Só resta penssar em você, meu nego. Te amo muito", disse uma amiga.

Muitos compartilhamentos falam sobre a saudade, que Anderson deixará em todos que ficaram, aliado a pedidos para que ele faça uma boa partida. 

Morte cruel - Baygon foi morto com mais de 10 disparos que atingiram cabeça, rosto, tórax e braço, e o suspeito dos tiros fugiu na sequência, recebendo apoio de um veículo que estava nas imediações do crime.

Informações apuradas pelo JD1 Notícias no local dos fatos, apontam que haviam 16 perfurações pelo corpo de Baygon, como a vítima era conhecida. Essas perfurações consistem em entradas e saídas, e foram localizadas 12 cápsulas do armamento utilizado pelo crime, mas a polícia não revelou de qual calibre seria.

A reportagem também apurou que Chagas estava próximo à residência onde morava e foi surpreendido pelo atirador. Testemunhas relataram ouvir os disparos e ao verificar o que havia acontecido, escutaram mais disparos e um carro saindo em disparada - há a suspeita que possa ser um Volkswagen Gol.

Baygon tinha passagens criminais nesses anos de vida. Seu passado apontava para mais de 20 anotações, onde a reportagem também apurou que na lista contém: homicídio, posse de arma de fogo, ameaça no âmbito da violência doméstica, injúria, furto e porte de drogas.

Reportar Erro

Deixe seu Comentário

Leia Também

Indignado por pagar mais em programa com travesti, homem diz ter sido roubado na Capital
Polícia
Indignado por pagar mais em programa com travesti, homem diz ter sido roubado na Capital
Alex Basti da Câmara Mendes, à esquerda, e Edson Felipe de Souza Campos, à direita
Polícia
Segundo fugitivo da Papuda é preso em Ceilândia
Empresário estupra sobrinha de 12 anos, zomba dela e acaba sendo condenado a prisão
Polícia
Empresário estupra sobrinha de 12 anos, zomba dela e acaba sendo condenado a prisão
Foto: O Pantaneiro
Polícia
Bois morrem após carreta tombar em Aquidauana
Imagem Ilustrativa
Polícia
Jovem fica em estado grave ao ser esfaqueado pelo tio em Caarapó
Mulher encontrada morta em casa no Itamaracá teve um infarto
Polícia
Mulher encontrada morta em casa no Itamaracá teve um infarto
AGORA: Mulher é encontrada morta em casa no Itamaracá
Polícia
AGORA: Mulher é encontrada morta em casa no Itamaracá
Operação da PC mira no combate a crimes patrimoniais propriedades rurais de MS
Polícia
Operação da PC mira no combate a crimes patrimoniais propriedades rurais de MS
JD1TV - Taxista escapa com vida de acidente grave na fronteira: 'Renasci'
Polícia
JD1TV - Taxista escapa com vida de acidente grave na fronteira: 'Renasci'
Carro quase entrou em um estabelecimento
Polícia
Prejuízo duplo! Motorista capota veículo após bater em viatura da polícia em Bonito

Mais Lidas

JD1TV: Peladão, homem é flagrado correndo com bumbum de fora na Mascarenhas de Moraes
Geral
JD1TV: Peladão, homem é flagrado correndo com bumbum de fora na Mascarenhas de Moraes
JD1TV: Homem que colocou fogo na ex-mulher se joga da ponte após cometer crime
Polícia
JD1TV: Homem que colocou fogo na ex-mulher se joga da ponte após cometer crime
Artistas confirmadas na Expogrande 2024
Comportamento
Expogrande 2024 divulga programação dos shows; confira as datas
Bebê de 11 meses se afoga ao brincar com chupeta em balde de água no Caiobá
Polícia
Bebê de 11 meses se afoga ao brincar com chupeta em balde de água no Caiobá