Menu
Busca sexta, 03 de julho de 2020
(67) 99647-9098
Polícia

Festa regada a bebida e som alto é motivo de denúncia

Adolescentes são detidos pela polícia e levados a delegacia

16 novembro 2019 - 13h34Marya Eduarda Lobo, com informações da assessoria

Após flagrante em festa regada a bebidas alcoólicas e som alto, 6 adolescentes foram apreendidos na madrugada deste sábado (16), na avenida Philomeno Costa, no bairro Mata do Jacinto, região norte da Capital.

Entre os menores, um adolescente de 13 anos estava na residência.

De acordo com a Polícia Civil, equipes foram acionadas após um denúncia de vizinhos acusando que os integrantes da festa faziam muito barulho no local. O fato foi confirmado pelos policiais assim que chegaram ao endereço.

Garrafas de bebidas e um aparelho de som foram recolhidos e apreendidos. Pelo menos 2 pessoas, maiores de idade, também foram encaminhadas a Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac) do Centro da Capital.

Os adolescentes foram liberados após a presença de responsáveis.

Totem_Alcool Gel

Deixe seu Comentário

Leia Também

Polícia
Ação da Força Nacional contra crimes fronteiriços no MS é prorrogada
Polícia
Nu e degolado, corpo de Carla foi desovado na rua da casa dela
Polícia
Sequestrada há 3 dias, Carla é encontrada morta
Polícia
Comboio de 20 carros é apreendido transportando contrabando em MS
Polícia
Com medidor sonoro, “festeiros” terão punições mais severas
Polícia
Vídeo: Após perseguição, homem é preso com 1 Ton de maconha em caminhonete
Polícia
Homem desenterra avó e dança com cadáver
Polícia
Homem desacata delegada por estar em um cargo que "seria apenas para homens"
Polícia
Polícia do DF investiga se Homem Pateta tem clones no Brasil e no mundo
Polícia
Trocando o martelo por faca, Chapolin se revolta com brincadeira e ataca dupla em bar

Mais Lidas

Geral
Trabalhador morre engasgado com carne após terminar serviço
Educação
Renato Feder é escolhido ministro da Educação, mas falta oficializar
Polícia
Ação da Força Nacional contra crimes fronteiriços no MS é prorrogada
Polícia
Nu e degolado, corpo de Carla foi desovado na rua da casa dela