Menu
Busca domingo, 21 de abril de 2019
(67) 99647-9098
Polícia

Imagens fortes – Fuzilado na fronteira cumpria pena por planejar morte de narcotraficante

Ele foi preso no último dia 7 de dezembro, quando planejava um ataque ao narcotraficante "Minotauro"

17 janeiro 2019 - 15h13Da Redação

O ex-candidato a prefeito de Ponta Porã, Francisco Novais Gimenez, conhecido como "Chico Gimenez", cumpria prisão domiciliar depois de ser preso em 7 de dezembro do ano passado, pela Polícia Federal (PF).

A operação foi desencadeada após uma denúncia anônima de que na casa do ex-candidato haveria uma reunião com membros de uma organização criminosa. Ao chegar ao local, os agentes encontraram além de Chico, mais nove pessoas e um arsenal. Eles estavam se preparando para um ataque ao traficante Sérgio Arruda Quintiliano Neto, conhecido como "Minotauro", que quer assumir, sozinho, o controle do tráfico na fronteira.

Chico e as outras nove pessoas foram presas e encaminhadas para o Presídio Estadual de Dourados (PED). No dia 21 de dezembro, a defesa de Chico conseguiu na Justiça converter a prisão preventiva para domiciliar, sustentando que seu cliente era portador de uma doença grave e precisava de medicamentos específicos e acompanhamento médico periódico.

Desde então, Chico cumpria uma série de exigências como apresentar relatório médico mensal, não podia sair do país e não poderia manter contato com os demais investigados e passou a usar tornozeleira eletrônica e ficava a maior parte do tempo em casa, onde foi executado. Imagens na qual o JD1 Notícias teve acesso é possível ver a vítima caída no chão, pelo menos 150 tiros foram disparados na residência de Chico.

A família de Chico Gimenez emitiu uma nota após a morte, veja:

"A família comunica com pesar o falecimento trágico de Francisco Novais Gimenez, "Chico Gimenez", ocorrido às 2 horas da madrugada desta quinta-feira (17), em sua residência na rua Calógeras.

Informa também que o velório está sendo realizado na capela do Memorial Primavera na av. Brasil, saída para Antônio João. O sepultamento está previsto para acontecer as 18 horas de hoje, quinta-feira (17), no cemitério Cristo Rei em Ponta Porã."

Veja as imagens do local onde a vítima foi executada:

 
pmcg - prestação de contas

Deixe seu Comentário

Leia Também

Polícia
Casal morre em acidente na MS-164
Polícia
Jovem morre afogado em piscina do Corumbaense Futebol Clube
Polícia
Homem tem mãos decepadas, na fronteira
Polícia
Ministério da Informação no Afeganistão sofre ataque
Polícia
Mulher é assaltada e estuprada em Dourados
Polícia
Ex-nomeado da Segov é investigado por usar telefone em presídio
Polícia
Ex-radialista é morta com 24 facadas pelo sobrinho
Polícia
De "braços abertos", indígena é atropelada em rodovia
Polícia
Bandidos fingem ser clientes e trabalhadores são feitos reféns
Polícia
PMA multa mulher por colocar fogo em vegetação

Mais Lidas

Polícia
Casal morre em acidente na MS-164
Polícia
Homem tem mãos decepadas, na fronteira
Polícia
Ex-radialista é morta com 24 facadas pelo sobrinho
Geral
Meningite mata jornalista conhecido em MS