Menu
Menu
Busca terça, 25 de junho de 2024
TJMS - Jun24
Polícia

Pablo Marçal é investigado em operação da PF

Marçal diz que claramente existe uma tentativa de silenciar as vozes daqueles que defendem a liberdade da nação

05 julho 2023 - 15h40Yara Deckner

Nesta quinta-feira (8), Pablo Marçal foi alvo de uma operação da Polícia Federal (PF) para apurar falsidade ideológica eleitoral, apropriação indébita eleitoral e lavagem de capitais durante a última eleição, o coach, influenciador digital e ex-candidato à Presidência da República e a deputado federal ele disse que se considera um perseguido político no Brasil.

Por meio de suas redes sociais, Marçal confirmou ter sido alvo da operação da Polícia Federal. “Não fui acordado pela PF hoje porque as 3h45 eu já estava acordado colocando pressão no sol. Fizeram busca e apreensão na minha casa com esse documento e não acharam nenhuma irregularidade. Fizeram buscas em sete endereços [três empresas, dois sócios, um advogado e levaram apenas celular e notebook, como de praxe]”, escreveu o coach em seu Facebook.

Para Marçal, “trata-se de uma investigação eleitoral sobre as doações lícitas que movimentamos para usar as aeronaves e veículos de propriedade empresarial do grupo societário que faço parte com o escopo eleitoral. Quero ressaltar que a perseguição política engendrada contra a minha pessoa é fruto do pacote que todos estão sofrendo por terem apoiado o ex presidente Jair Bolsonaro”, escreveu.

“Claramente existe uma tentativa de silenciar as vozes daqueles que defendem a liberdade nessa nação. Coloco tudo à disposição e acredito que a Justiça Eleitoral usará da firmeza da lei para cessar essa revolta instaurada sobre mim”, disse Marçal.

Já em seu Instagram, o coach postou uma imagem segurando na mão o mandado de busca e apreensão, autorizado pela Justiça, para a operação desta quarta-feira. E escreveu que era “perseguição política”, admitindo que a PF esteve em sua casa.

A operação foi batizada de Ciclo Fechado e realizada nos municípios paulistas de Barueri e Santana do Parnaíba. Segundo a Polícia Federal, “o investigado, que foi candidato a presidente da República e à Câmara dos Deputados, e seu sócio, realizaram doações milionárias às campanhas, sendo que boa parte desses valores foi remetido posteriormente às próprias empresas das quais são sócios”.

*Agência Brasil

Reportar Erro

Deixe seu Comentário

Leia Também

Idoso perde o controle e bate em poste depois de passar mal ao volante na Capital
Polícia
Idoso perde o controle e bate em poste depois de passar mal ao volante na Capital
Wagner chegou a pegar uma cadeira para se defender do ex-cunhado
Polícia
Após briga com advogado em academia, conduta de policial penal é investigada
Delegado da Polícia Federal Valdecy Urquiza
Polícia
Delegado da PF é o 1º brasileiro eleito para chefiar a Interpol
Foto: Maracaju Speed
Polícia
Motociclista morre após invadir preferencial e ser atingido por carro em Maracaju
Autores de pichações para o PCC são identificados e presos em Brasilândia
Polícia
Autores de pichações para o PCC são identificados e presos em Brasilândia
A vítima voltava para casa após comprar seu carro em Campo Grande quando o acidente aconteceu
Polícia
JD1TV: Motorista morre após bater de frente com caminhão boiadeiro na BR-262
Com várias passagens, o suspeito seria 'especialista' em cometer os crimes na frente de bancos da região
Polícia
Ladrão morre em confronto com a Polícia Civil na Capital
O homem está internado no Hospital da Vida
Polícia
Ladrão de moto foge, tenta atacar policiais e acaba sendo baleado em Dourados
Wagner chegou a pegar uma cadeira para se defender do ex-cunhado
Polícia
JD1TV: Após 'pau comer' em academia da Afonso Pena, advogado diz "temer pela vida"
Maria de Fátima e Saulo Tassio chegaram a ser detidos, mas foram liberados horas depois
Polícia
JD1TV: Moradores queriam 'dar lição' em casal que tentou sequestrar criança na Capital

Mais Lidas

Cantor Diogo Nogueira
Cultura
MS Ao Vivo: Diogo Nogueira fará show gratuito na Capital no dia 14 de julho
JD1TV - Casal tenta sequestrar criança na Capital: 'ganharia muito dinheiro no exterior'
Polícia
JD1TV - Casal tenta sequestrar criança na Capital: 'ganharia muito dinheiro no exterior'
Avelino Luz,  se jogou dentro do veículo pegando fogo
Polícia
Vídeo - Após ser traído, homem se joga em carro em chamas
"O Máskara" foi encaminhado ao hospital
Cidade
Personagem da Carreta da Alegria erra perfomance e cai da fachada de prédio