Menu
Busca sexta, 23 de agosto de 2019
(67) 99647-9098
Polícia

Vídeo - Advogada agredida agradece apoio na web

Luciana denunciou através de uma gravação as agressões de seu ex-namorado

29 dezembro 2018 - 13h58Da Redação com G1

A advogada Luciana Sinzimbra, 26 anos, que filmou o momento em que foi agredida pelo então namorado, o piloto Victor Junqueira, 24 anos, em Goiânia, afirmou, na sexta-feira (28), que está tentando ficar bem e agradeceu o apoio que tem recebido. Em vídeo postado nas redes sociais, a jovem afirmou que pretende ajudar outras vítimas de violência doméstica, mas disse que “ainda é muito difícil” falar sobre o assunto.

“Eu queria agradecer imensamente todas as mensagens que eu recebi. Todo o apoio está sendo muito importante nesta fase, neste momento. Eu estou vindo aqui falar com vocês porque eu não estou conseguindo retribuir tudo que vocês estão fazendo por mim, de abraçar esta causa que ainda é tão complicada no Brasil e que existe tanto ao nosso lado e a gente nem sabe”.

“Eu estou um pouco melhor hoje. Ainda é muito difícil para mim ter que voltar na situação, ter que falar sobre isso, mas eu estou tentando ficar bem, estou tentando superar e eu tenho certeza que a partir da minha história eu vou conseguir ajudar outras pessoas”, afirmou a advogada.

Luciana postou os vídeos em que faz o agradecimento no fim da tarde de sexta-feira, durante viagem que faz com a família ao Chile. Ela afirma que, apesar de ainda estar "emocionalmente abalada", está bem e grata pela ajuda de tantas pessoas.

"Se não fosse pela minha família, pelos meus amigos, pelo apoio que eu estou tendo, eu às vezes penso que eu não estaria tão bem como estou agora, ainda emocionalmente abalada, mas relativamente bem diante de tudo. Então, mas uma vez, muito obrigada por tudo, por todo o carinho, por todas as pessoas que estão olhando e vendo que isso é sério, isso não se brinca, então muito, muito obrigada", diz Luciana.

O caso ocorreu na madrugada do último dia 14 de dezembro, em Goiânia. Na gravação, feita pelo celular da vítima, é possível ver o jovem discutindo com a mulher e a agredindo. Em vários momentos, a mulher faz apelos para que o namorado pare com as agressões.

Em depoimento, a vítima disse à polícia que as agressões ocorreram depois de uma festa de confraternização do trabalho dela. Ela afirma que havia esquecido um presente que ganhou em um restaurante, voltou com o namorado ao local e, no momento em que ele deixava ela em casa, não havia insistido para que ele ficasse. Segundo a advogada contou à polícia, isso provocou a “fúria” dele.

Prefeitura - Niver CG

Deixe seu Comentário

Leia Também

Polícia
PF prende homem que compartilhava cenas de violência sexual infantil na internet
Polícia
Rapaz é contratado por aplicativo para fazer corrida e desaparece
Polícia
Confusão em tabacaria da Moreninha termina em morte
Polícia
Motorista atropela mulher, aciona a polícia e fica no local até a chegada do socorro
Polícia
Vídeo - Guardas municipais agridem morador em UPA
Polícia
Idosa que estava desaparecida é encontrada
Polícia
Cabeleireira que matou vendedor a facadas é condenada a 7 anos de prisão
Polícia
Ossada humana é encontrada em rodovia
Polícia
Bombeiros buscam por idosa desaparecida em fazenda em MS
Polícia
Jovem é morto a tiros na frente da família

Mais Lidas

Geral
Confira a lista de sorteados cadastrados na EMHA
Geral
Vereador e filho são encontrados mortos a tiros dentro de casa
Oportunidade
Processo Seletivo do Senar/MS tem salários que chegam a R$ 6,5 mil
Polícia
Jovem é morto a tiros na frente da família