Menu
Busca domingo, 22 de setembro de 2019
(67) 99647-9098
Aguas setembro-19
Política

Bolsonaro diz que vai ouvir ministro da Economia sobre novo imposto

Taxa pode ser incluída na proposta de reforma tributária do governo

22 agosto 2019 - 11h15Priscilla Porangaba, com informações da Agência Brasil

O presidente Jair Bolsonaro disse nesta quinta-feira (22) que vai ouvir a opinião do ministro da Economia, Paulo Guedes, sobre a criação de um imposto sobre transações financeiras, parecido com a antiga Contribuição Provisória Sobre Movimentação Financeira (CPMF), criada no governo de Fernando Henrique Cardoso, e depois extinta.

O novo imposto seria incluído na proposta de reforma tributária que o governo encaminhará em breve ao Congresso Nacional.

O presidente da república disse. "Vou ouvir a opinião dele [Guedes]. Se desburocratizar muita coisa, diminuir esse cipoal de impostos, essa burocracia enorme", disse o presidente ao deixar o Palácio da Alvorada, na manhã de hoje. Em declarações anteriores, Bolsonaro havia dito que não pretendia recriar a tributação. "Eu estou disposto a conversar, não pretendo, falei que não pretendo recriar a CPMF. O que ele complementou? A sociedade que tome decisão a esse respeito”.

Na quarta-feira (22), Guedes disse que caberá aos parlamentares decidir pela volta do tributo e explicou que, para que isso ocorra, haverá redução na tributação sobre a folha de pagamentos para estimular o emprego formal.

Petrobras

Bolsonaro também não descarta incluir a Petrobras no pacote de privatização do governo e disse que, quando a proposta for apresentada, vai estudar a possibilidade. "Vou ouvir a proposta que vai ser apresentada para mim. Quando chegar para mim, daí eu falo", disse. “Tudo o governo estuda, estuda privatizar tudo. Vai ter que analisar custo-benefício, o que é bom para o Brasil ou não", completou.

O presidente afirmou ainda que conversou com representantes da Petrobras sobre o preço dos combustíveis pago pelos consumidores. "Tem cartel, não tem, o que está acontecendo? Eu quero saber por que diminui o preço na refinaria, que está diminuindo, e na ponta, na bomba, não diminui. O que a gente tem que fazer para esse preço chegar na ponta?”, questionou.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
Delcídio é o novo presidente estadual do PTB
Política
Campo Grande poderá receber piscina olímpica
Política
Entrevista da semana: “temos que ter jogo de cintura e soluções inteligentes”, conforme Eneas Netto
Política
Riedel destaca investimentos na região norte do MS
Política
"Devem investigar", diz Reinaldo sobre filho
Política
PSC quer fortalecer candidaturas
Política
MS é destaque no prêmio Congresso em Foco
Política
Bolsonaro quer investigar aumento abusivo em postos de combustível
Política
Ministério pode rever cortes de verbas que prejudicam MS
Política
Vídeo - Salineiro diz ter vergonha de ser vereador depois de projeto reprovado

Mais Lidas

Polícia
Para fazer ex-mulher sofrer, pai mata filho de 2 anos afogado em bacia
Política
"Devem investigar" diz Reinaldo sobre filho
Polícia
Motorista de aplicativo é encontrado morto 15 dias após desaparecer
Clima
Vídeo - Chuva surpreende campo-grandenses na tarde desta sexta