Menu
Busca domingo, 13 de junho de 2021
(67) 99647-9098
TJMS - Junho21
Política

Bolsonaro indica Soraya para vice-liderança no Congresso Nacional

Soraya já anunciou que vai ser candidata a governadora em 2022 e deve ter o apoio do presidente

07 maio 2021 - 11h49Gabrielly Gonzalez

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) indicou a senadora Soraya Thronicke (PSL) como vice-líder do Governo no Congresso Nacional. Gesto indica reaproximação entre ambos.

Além disso, indicação sinaliza que Bolsonaro pode subir no palanque da senadora nas eleições de 2022. Soraya já anunciou que vai ser candidata a governadora para disputar a sucessão de Reinaldo Azambuja (PSDB).

Considerando a popularidade do presidente em Mato Grosso do Sul, que lidera as intenções de votos, ela ganha um aliado de peso.

No ano passado, em meio ao agravamento da pandemia, houve rusgas na relação entre Bolsonaro e Soraya no Estado. Após ela votar pela derrubada do veto, que permitiu reajuste para os servidores da segurança pública, o indicado pela parlamentar acabou sendo exonerado da administração regional da Funai (Fundação Nacional do Índio) em Campo Grande.

“As pautas que nos elegeram, o presidente Bolsonaro e eu, são a mesmas e sempre me mantive fiel a elas, pois são demandas da população brasileira. Muitas vezes recebemos algumas críticas porque as pessoas não sabem tudo que se passa nos bastidores do poder, então acabam acreditando em falácias disseminadas com o intuito de enfraquecer os adversários políticos”, explicou a senadora, descartando qualquer conflito com o presidente da República.

“Mas basta pesquisar sobre a minha atuação e as minhas votações, que sempre foram coerentes com as bandeiras que nos elegeram. Jamais desviaria do meu compromisso com as pessoas que confiaram seus votos a mim”, garantiu.

O líder do Governo no Congresso Nacional é o senador Eduardo Gomes (MDB), do Tocantins. Soraya integra o seleto grupo de vice-líderes, composto por sete senadores, que inclui o filho do presidente, Flávio Bolsonaro (Republicanos), Jorginho Mello (PL), Márcio Bittar (MDB), Sérgio Petecão (PSD) e Marcos Rogério (DEM).

Com a indicação, ela passa a ser uma das interlocutoras de Bolsonaro no Senado e no Congresso Nacional.

Em MS, Coronel David é um dos adversários da senadora, inclusive, ele que deixou o PSL após atrito com Soraya.  Além disso, David se apresenta como um dos mais fiéis ao presidente da República no Estado.

David aguarda a definição de Bolsonaro para se filiar a uma legenda para disputar a reeleição em 2022. A indicação de Soraya indica que o presidente pode retornar ao PSL ou contar com o apoio da sigla nas eleições de 2022.

Genetica 1

Deixe seu Comentário

Leia Também

Brasil
Bolsonaro pede parecer para desobrigar uso de máscara por vacinados
Política
Mourão diz que Bolsonaro autorizou nova operação militar na Amazônia
Política
Grampo em Arroyo facilitou "explosão" no Tribunal de Contas
Política
CPI da Covid aprova quebra dos sigilos de Pazuello e Ernesto Araújo
Política
Simone é escolhida como coordenadora da Bancada de MS
Política
Para Riedel, gás natural vai ampliar competitividade
Política
Verruck reforça meta de tornar MS 'Estado Carbono Neutro' até 2030
Política
Azambuja autoriza pavimentação de duas rodovias estaduais
Política
Pesquisa mostra rejeição a Bolsonaro crescendo
Política
STF suspende despejos

Mais Lidas

Geral
Ex-chiquitita ganha Porsche no 1º Dia dos Namorados
Geral
Vídeo: cadeiradas e vassouradas rolam soltas em 'quebra pau' no MC Donald's
Internacional
Em 40 segundos, pescador é engolido e cuspido vivo por baleia jubarte
Geral
Sérgio Murilo deve deixar secretaria