Menu
Busca domingo, 09 de agosto de 2020
(67) 99647-9098
TJMS agosto/20
Política

Damares assumirá Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos

Pasta será criada no governo Bolsonaro e ficará responsável também pela Funai

06 dezembro 2018 - 16h12Da redação com Agência Brasil

O Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos será assumido pela advogada Damares Alves. O nome foi anunciado nesta quinta-feira (6) pelo ministro extraordinário da transição, Onyx Lorenzoni, confirmado para a Casa Civil. Assessora do senador Magno Malta (PR-ES), Damares comandará a pasta que será criada no governo de Jair Bolsonaro, a partir de janeiro.

O novo ministério também vai agregar ainda Fundação Nacional do Índio (Funai), responsável pela demarcação de terras indígenas e políticas voltadas para esses povos.

Com este anúncio, a equipe ministerial já conta com 21 ministros. Segundo Onyx Lorenzoni, o presidente eleito continua refletindo sobre a escolha para o Ministério do Meio Ambiente, a última pasta a ter o titular definido.

Apoiada por setores evangélicos, Damares Alves, que também é pastora, afirmou que terá como prioridade as políticas públicas para mulheres. Segunda ela, o objetivo é avançar nas metas que ainda não foram alcançadas e propôs um pacto nacional pela infância.

"A pasta é muito grande, muito ampla e agora a gente está trazendo para a pasta a Funai. Nós vamos trazer para o protagonismo políticas públicas que ainda não chegaram até às mulheres, e às mulheres que ainda não foram alcançadas pelas políticas públicas.”

De acordo com Damares Alves, a prioridade será para a “mulher ribeirinha, a mulher pescadora, a mulher catadora de siri, a quebradora de coco”. “Essas mulheres que estão anônimas e invisíveis, elas virão para o protagonismo nessa pasta. Na questão da infância, vamos dar uma atenção especial, porque está vindo para a pasta também a Secretaria da Infância, e o objetivo é propor para a Nação um grande impacto pela infância, um pacto de verdade pela infância", disse.

Vacinne

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
Fabrício Queiroz e esposa repassaram R$ 89 mil para Michelle Bolsonaro
Política
Eleição para vereador é enigma na pandemia
Política
"Nunca procurou a gente para conversar", diz Marquinhos sobre a Defensoria Pública
Política
“Medidas são tomadas para frear a pandemia e não matar a economia”, diz Marquinhos
Política
Reinaldo cria departamento anticorrupção
Política
Ensino de Libras poderá ser obrigatório nas escolas de todo o Brasil
Política
Internado, Coronel David luta contra a covid-19
Política
Assembleia aprova tramitação de benefício a servidores do Sistema Penitenciário
Política
Comissão presidida por Nelsinho, irá ouvir ministro da Justiça
Política
Riedel crítica judicialização da pandemia

Mais Lidas

Polícia
Colisão entre motocicleta e carro causa a morte de uma professora em MS
Saúde
UPAs terão 16 pediatras atendendo pela manhã e a tarde, veja onde encontrá-los
Clima
Temperatura pode chegar a 32°C na capital neste domingo
Cidade
Obras na Ernesto Geisel serão retomadas amanhã