Menu
Busca quinta, 13 de agosto de 2020
(67) 99647-9098
TJMS agosto/20
Política

Licitação para construção da ponte na Rota Bioceânica é assinada

Obra deve iniciar em abril de 2020 e prazo de conclusão é de três anos

20 julho 2019 - 16h53Priscilla Porangaba, com informações da assessoria

O governo do Paraguai autorizou na manhã desse sábado (20), a licitação para elaboração do projeto executivo da ponte de concreto sobre o rio Paraguai.

A obra unirá os municípios fronteiriços de Porto Murtinho e Carmelo Peralta, viabilizando o Corredor Bioceânico, com início da execução em abril de 2020 e prazo de conclusão em três anos.

A ponte, que significará maior impulso econômico para região Sudoeste do Estado e do Alto Paraguai será construída com recursos (R$ 290 milhões) da Itaipu Paraguai e terá uma extensão de 680 metros.

Durante ato de lançamento da licitação, em Carmelo Peralta, pelo presidente paraguaio Mário Abdo Benítez, o Dnit (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes) entregou o estudo de impacto ambiental da obra.

 O governador Reinaldo Azambuja, saudou o presidente paraguaio.“Vivemos um momento histórico e quero parabenizar a atitude arrojada dos governos do Brasil e do Paraguai por unir os dois países por uma obra emblemática, que também nos torna competitivos na medida em que encurtamos caminhos em mais de oito mil quilômetros de distância ao mercado asiático”.

Ao ressaltar a materialização de uma logística fundamental para o agronegócio e o desenvolvimento da região, o governador disse que Brasil e Paraguai estão dando um grande passo para a tão sonhada integração latino-americana.

Reinaldo Azambuja disse que Porto Murtinho, com a construção da ponte e os investimentos portuários para fomentar o transporte pela Hidrovia do Paraguai, deixará de ser o fim de linha e uma região estagnada pelo seu isolamento.

“Esta região será o centro do eixo entre os oceanos Atlântico e Pacífico, atraindo a produção de 100 milhões de toneladas de grãos da região Centro-Oeste e fomentando o turismo, outra fonte de riqueza”, destacou.

Depois de reforçar o convite ao presidente paraguaio para participar da entrega da nova sede da Colônia Paraguai, em construção pelo Governo do Estado em Campo Grande, ainda este ano, o governador disse que estará presente à inauguração da ponte sobre o Rio Paraguai, em abril de 2023. “Não serei mais o governador do meu Estado, mas faço questão de estar aqui como cidadão comum, compartilhando desse momento histórico”, completou.

Senar - agosto2020

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
Vereadores aprovam criação do Mapa da Violência na capital
Política
Assembleia reconhece calamidade pública em Dois Irmãos do Buriti
Política
Bico seco: “Vai aliviar o fígado”, brinca Marquinhos
Política
Prefeitura republica decreto e antecipa “bico seco” para amanhã
Política
Decretado: “bico seco” começa a valer a partir de quinta na capital
Política
Marquinhos sanciona Lei que define serviços como atividades essenciais
Política
Capital: Câmara aprova prorrogação do Refis para setembro
Política
Assembleia aprova adicional a contratados do Sistema Penitenciário
Política
Vereadores da capital votam cinco Projetos nessa terça
Política
Coronel David solicita testes em massa à agentes da Segurança Pública

Mais Lidas

Política
Vereadores aprovam criação do Mapa da Violência na capital
Polícia
Homem arromba portas da casa da ex para tentar reatar relacionamento
Esportes
Fundesporte abre inscrições para cursos de capacitação online
Cidade
Todos os acessos do bairro Tiradentes receberão recapeamento