Menu
Busca domingo, 19 de maio de 2019
(67) 99647-9098
Política

Marun contesta críticos e dispara, “tenho vida limpa”

O ex-ministro rebateu críticas por sua nomeação para o conselho de Itaipu

03 janeiro 2019 - 11h14Da redação

O ex-ministro da Secretaria de Governo da Presidência da República, Carlos Marun, disse, em carta aberta, que “ajudou Mato Grosso do Sul como poucos fizeram em sua história”.

Em resposta as manifestações contrárias à sua nomeação para o conselho de Itaipu, o que o ex-ministro chama de “manifestações eivadas de ódio e inveja”, Marun relembra seu empenho na garantia de recursos para o estado e ressalta seria justa a sua participação em Itaipu, já que fora “protagonista” da articulação para que a ponte em Porto Murtinho seja bancada pela Binacional.

Marun termina afirmando que “tem vida limpa”, que precisa trabalhar e tem conhecimento suficiente para prestar exercício da função. Veja a carta na íntegra:

“Desde 1996 exerço funções públicas e mandatos. Fui responsável pela concretização do sonho da Casa Própria para mais de 70.000 famílias sul-mato-grossenses. Coordenei centenas de processos de licitação. Nunca recebi uma única condenação em nenhuma instância. Respondo a um único processo por terceirização de serviços de informática da Agehab, que sempre aconteceram e continuam acontecendo na Agehab e em praticamente todos os órgãos públicos e empresas, inclusive na Polícia Federal. Não pedi fórum privilegiado e as primeiras decisões do juiz já me favoreceram. Tenho certeza que serei absolvido. Sou mais do que ficha-limpa. Sou ficha-limpíssima.

Como ministro ajudei MS como poucos fizeram em sua história. Além de já ter auxiliado muitos municípios e o estado em diversas áreas, deixei garantidos cerca de Um Bilhão de Reais em projetos estratégicos para a nossa economia. Entre estes está a ponte entre Porto Murtinho e Carmelo Peralta, que unirá o Atlântico ao Pacífico através do MS. Esta obra será bancada por Itaipú em função de uma articulação na qual fui protagonista. Você já tinha ouvido falar de Itaipu investir em MS? Pois agora ela vai investir mais de R$ 300 milhões nesta ponte que vai alavancar a economia do nosso estado e isto em função também do meu trabalho.

No último dia 27/12 chegou a Presidência a renúncia de um dos membros do Conselho de Administração de Itaipu. Em conversa com o presidente Temer manifestei interesse em ocupar esta vaga. Argumentei que Itaipu, cujo lago já banha MS, tornou-se importantíssima para o nosso estado e que era justo que tivéssemos participação na sua administração. O presidente, conhecedor do meu currículo, decidiu usar sua prerrogativa e me nomear, no que foi uma vitória pessoal e do MS, saudada inclusive por muitos dos meus adversários políticos. Hoje, o presidente Bolsonaro decidiu não rever o ato do presidente Temer. Desde então tenho acompanhado manifestações eivadas de ódio e inveja, inclusive de sul-mato-grossenses que nada fizeram pelo estado e que agora tentam sabotar esta nossa conquista. Não me abalo com isto. A vida me ensinou a enfrentar imbecis. Tenho uma vida limpa, preciso trabalhar e tenho conhecimento suficiente para prestar no exercício desta função novos e relevantes serviços ao Brasil e a Mato Grosso do Sul.”

Fac Feijoada 2019

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
PSD municipal terá Antônio Lacerda no comando
Política
Homem se joga na frente de caminhão e morre em rodovia
Política
Em reunião, parlamentares estudam o não fechamento de comarca
Política
Advertência de Barbosinha
Política
Marçal é o preferido em Dourados, diz Instituto Ranking
Política
Fábio Trad elogiou proposta de emenda à Constituição
Política
Rose Modesto cobra de ministro retomada de investimentos na educação
Política
Vereadores aprovam recursos para obras em Campo Grande
Política
Estabelecimentos de MS podem ser obrigados a fornecer copos biodegradáveis
Política
Nelsinho Trad solicita liberação de R$ 168 milhões para MS

Mais Lidas

Polícia
Ex-marido esfaqueia mulher em boate ao ver localização em rede social
Geral
Vídeo - Após mulher trocar senha do wi-fi, vizinhos apedrajam casa
Polícia
Homem toma arma de policial, troca tiros com outros e morre em telhado de casa
Internacional
Por engano, funcionário serve vinho de 5.100 euros a clientes