Menu
Busca segunda, 17 de junho de 2019
(67) 99647-9098
Política

Paulo Corrêa exalta lei que beneficiará meio ambiente

Objetivos principais são a recuperação de áreas degradadas, redução do desmatamento, conservação ambiental

11 fevereiro 2019 - 16h12Marcos Tenório com assessoria

Em Mato Grosso do Sul, os recursos provenientes do Fundo Estadual de Defesa e Reparação de Interesse Difusos Lesados (Funles), serão utilizados para o pagamento de serviços ambientais. O anúncio foi feito na última sexta-feira (8), pelo Secretário de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar (Semagro), Jaime Verruck.

Segundo o secretário, o primeiro município beneficiado com o pagamento de serviços ambientais será Bonito, onde serão aplicados cerca de R$ 700 mil que serão provenientes do Fundo.

“Nós reservamos um recurso para o pagamento de serviços ambientais no município de Bonito, dada à situação que se encontra a questão das águas”, destacou.

O Pagamento de Serviços Ambientais foi implantado no estado através do presidente da Assembleia Legislativa, o deputado Paulo Corrêa autor da lei 5.235/2018, que afirmou que a iniciativa é um grande passo e que o pagamento de serviços ambientais é uma coisa moderna.

“Quem preserva tem que ser beneficiado de alguma forma. Acho que neste segundo mandato do Governador vamos fazer um trabalho muito bom no sentido de levar progresso e desenvolvimento, mas cuidando do meio ambiente porque isso é importante”, disse.

A lei de autoria do deputado Paulo Corrêa, dispõe sobre a Política Estadual de Preservação dos Serviços Ambientais e que criou o Programa Estadual de Pagamento Serviços Ambientais (PESA), está vinculada à Política Estadual de Mudanças Climáticas, também de autoria do deputado Paulo Corrêa.

Os objetivos principais são a recuperação de áreas degradadas, redução do desmatamento, conservação ambiental e incentivo a manutenção desses serviços no estado, além de disciplinar e fortalecer a atuação do Poder Público Estadual em relação aos serviços ambientais, de forma a promover o desenvolvimento sustentável.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
Após polêmica envolvendo seu nome, Levy pede demissão da presidência do BNDES
Política
Parecer da reforma da Previdência é bem recebido pelo mercado financeiro
Política
Nelsinho Trad é eleito presidente do PSD-MS
Política
“Governo é uma usina de crises", diz Rodrigo Maia
Política
Cabo Almi acredita em soltura de Lula e cancelamento da sentença
Política
Bolsonaro demitirá presidente dos Correios
Política
PSD discute planos para 2020 neste sábado
Política
Bolsonaro critica decisão do Senado de parar decreto de armas
Política
STF criminalizará homofobia como forma de racismo
Política
Santos Cruz cai e será substituído por outro general

Mais Lidas

Opinião
De dois erros não se faz um acerto
Polícia
Jovem é morta a tiros em Ponta Porã e corpo é encontrado em estrada
Geral
Após bater em rotatória, universitário capota veículo em Ponta Porã
Economia
Após Bolsonaro falar em demissão do presidente do BNDES, diretor renuncia