Menu
Busca segunda, 11 de novembro de 2019
(67) 99647-9098
Agronegócio

Governo aprova plano para introdução de agricultura sustentável

Segundo o secretário da Semagro, Jaime Verruck, o projeto irá estimular a produção sustentável

01 novembro 2019 - 17h17Sarah Chaves, com informações da assessoria

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar (semagro), aprovou nesta sexta-feira (1), o Plano Estadual de Agroecologia, Produção Orgânica e Extrativismo Sustentável Orgânico (PLEAPO/MS).

O secretário da Semagro, Jaime Verruck analisa o plano como uma ação para estimular a produção sustentável. “É um plano audacioso que trabalha a questão do alimento saudável e com a questão dos produtos orgânicos dentro dos protocolos já definidos pelo Ministério da Agricultura. Esse estímulo é fundamental para diferenciar e dar mais competitividade aos produtores rurais de Mato Grosso do Sul”, comentou.

O Plano foi apresentado ao secretário Jaime Verruck, ao superintendente de Ciência e Tecnologia, Produção e Agricultura Familiar, Rogério Beretta e aos integrantes da Comissão Estadual de Produção Orgânica (CPOrg-MS). O documento foi elaborado por um grupo interinstitucional instituído em maio deste ano, composto por nove entidades, em atendimento à Lei Nº 5.279, de 6 de dezembro de 2018, que instituiu a Política Estadual de Agroecologia, Produção Orgânica e de Extrativismo Sustentável Orgânico em Mato Grosso do Sul.

“Hoje existe espaço para crescimento da produção orgânica. A demanda cresce 30% anualmente e temos um grande espaço para expandir. Para isso, nós desenvolvemos um plano estadual e um conjunto de ações, como a criação de uma rede de comercialização, a ampla capacitação dos nossos assistentes técnicos para que eles possam oferecer a devida orientação voltada para a produção orgânica, seja ela de baixa, média ou grande escala da agricultura familiar”, explica Jaime Verruck.

De acordo com o titular da Semagro, “o Plano traz um conjunto de atividades que passam pelo apoio à produção, capacitação técnica, criação de uma rede de comercialização e fomento à pesquisa para que a gente referencie o Mato Grosso do Sul na produção orgânica aproveitando essa grande expansão de mercado que ocorre todo mundo. MS se posiciona definitivamente em uma das tendências do agro brasileiro, que é a questão da produção orgânica e do alimento saudável”.

Athus Ingles

Deixe seu Comentário

Leia Também

Agronegócio
Atraso na plantação de soja deixa produtores em alerta
Agronegócio
Captação de leite cresce 1,04% no MS, conforme dados do Mapa
Agronegócio
Agronegócio como identidade econômica do MS
Agronegócio
Brasil terá produção recorde de grãos na safra 2019/2020
Agronegócio
Com AgroNordeste, Tereza Cristina quer diminuir diferenças regionais
Agronegócio
Bonito recebe ministros da Agricultura
Agronegócio
Brasil exportará frutas, castanhas e ovoprodutos para a Arábia Saudita
Agronegócio
Abate de bovinos e suínos cresce no 2º trimestre no país
Agronegócio
Safra de milho em MS deve superar previsões iniciais de recorde
Agronegócio
Nordeste ganha plano de ação para o desenvolvimento da agropecuária

Mais Lidas

Polícia
Advogado é suspeito de roubo em restaurante da capital
Polícia
Pistoleiros matam pai e tio e deixam bebê baleado
Polícia
Assaltantes são presos após reação de vítima e perseguição
Polícia
Homem é alvejado dentro de casa a suspeito está foragido