Menu
Busca quinta, 27 de janeiro de 2022
(67) 99647-9098
Governo - conta energia
Brasil

Carteiro é baleado ao fazer entrega em condomínio; assista

Ele teria discutido com um homem que estava na frente do condomínio e foi baleado

01 dezembro 2021 - 16h09Brenda Assis

Um carteiro foi baleado ao realizar uma entrega em um condomínio de prédios em Capibaribe, São Lourenço da Mata, no Grande Recife, na segunda-feira (29). O suspeito da tentativa de homicídio, segundo a Polícia Civil, seria o síndico do residencial. O crime foi registrado por uma câmera de segurança. As informações são do G1.

O trabalhador contou que passou por cirurgia e está internado. Sobre o crime, ele relatou que tudo aconteceu após uma discussão que começou quando chegou ao condomínio residencial para realizar a entrega.

Segundo o carteiro, havia um senhor que ele não conhecia na frente do prédio, trajando bermuda. "Chamei 'Correios'. Aí ele disse 'se você quiser entregar a encomenda, você entrega. Se não, você [palavras de baixo calão]", afirmou a vítima, relatando que pediu em seguida para ser respeitado. Foi, então, que começou a discussão. "Ele continuou proferindo ofensas e entrando no prédio. Eu perguntei o nome dele e ele disse só o primeiro nome. Pedi para ele falar o sobrenome, porque queria fazer a entregar de qualquer jeito", contou.

O funcionário dos Correios contou que tem um amigo que mora no residencial, que é um homem de camisa vermelha que aparece nas imagens. "Quando estava conversando com meu amigo, ele continuou exaltado, sacou uma arma e atirou", disse.

No registro feito pela câmera, é possível ver que o atirador, que estava sentado na cadeira, levanta e faz os disparos. O funcionário dos Correios cai no chão e o autor dos tiros deixa o local. "Eu senti muita dor, meu amigo providenciou socorro para a UPA [Unidade de Pronto Atendimento] de São Lourenço. [...] Estou aqui me recuperando, passei por cirurgia e estou reagindo bem", afirmou o carteiro.

Em nota, os Correios disseram que o “carteiro foi submetido a procedimento médico e segue recebendo apoio da empresa”.

O Sindicato dos Trabalhadores na Empresa de Correios e Telégrafos no estado (Sintect-PE) afirmou que o autor dos disparos é também policial militar reformado, informação que a polícia não confirma. “O companheiro fardado [carteiro] não reagiu. [Ele] Não tinha nenhuma atitude agressiva contra o síndico e o síndico, covardemente, atira à queima roupa em um carteiro fardado exercendo seu trabalho”, afirmou o secretário de comunicação do Sintect, Roberto Alexandre da Silva.

Assista ao vídeo postado pelo Diário do Nordeste:

Corumba - vacinação

Deixe seu Comentário

Leia Também

Brasil
Brasil ganha escola de magia inspirada em Harry Potter
Brasil
Cadastrados com NIS final 7 recebem Auxílio Brasil hoje; veja as datas de pagamento
Brasil
IBGE anuncia que o censo deve começar em 1º de agosto
Brasil
Bolsonaro decreta luto de um dia pela morte de Olavo de Carvalho
Brasil
Ministério da Saúde reduz para 10 dias de afastamento do trabalho por Covid
Brasil
Bolsonaro veta mais de R$ 1 bilhão em recursos para a Previdência e Educação
Brasil
Dupla coloca fogo no helicóptero do Ibama durante ataque
Brasil
Liderando ranking, média anual de raios no país deve subir de 77,8 para 100 milhões
Brasil
Família de Marília Mendonça autoriza lançamento de feat com Naiara Azevedo
Brasil
Código de Trânsito Brasileiro completa 24 anos e terá novas regras; confira

Mais Lidas

Polícia
Homem passa mal e morre na casa da mãe
Polícia
Irmãos matam pai a pauladas por acharem que ele matou a mãe deles
Comportamento
Murilo abre mão de bens na divisão do patrimônio de Marília, diz colunista
Polícia
Homem esfaqueado no peito pela esposa no Noroeste morre no hospital