Menu
Busca quinta, 19 de setembro de 2019
(67) 99647-9098
Brasil

Cid Gomes passa mal durante sessão e é socorrido por colegas no Senado

Nelson Trad Filho chegou registrou o momento do susto em sua página no Facebook

04 setembro 2019 - 14h57Rauster Campitelli, com informações do Uol

O senador Cid Gomes (PDT-CE) passou mal no plenário da Casa nesta terça-feira (3) no momento em que discursava sobre a PEC (Proposta de Emenda Constitucional) da cessão onerosa, que permite que a União compartilhe os recursos arrecadados nos leilões do pré-sal com estados e municípios. Devido ao fato inesperado, o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), suspendeu a sessão por alguns minutos.

Ao deixar o plenário, Cid relatou ter tido uma queda de pressão. Logo após se sentir mal, ele se deitou com a ajuda dos colegas, recebeu atendimento e colocou as pernas para cima. "Foi uma queda de pressão. Sangue na cabeça. Aí a solução é essa: deitar e levantar a perna", disse.

O senador Nelson Trad Filho chegou a postar o momento do susto em sua página no Facebook. “Que susto aqui no Plenário! O senador Cid Gomes teve queda de pressão arterial. Eu e o colega senador e também médico, Otto Alencar, realizamos os primeiros socorros e conseguimos restabelecer a saúde do paciente. O senador Cid, bravamente, terminou de ler o relatório da PEC 98/2019 e foi para o centro médico se recuperar”, escreveu na publicação.

Assim que encerrou o discurso, o senador foi aplaudido. Segundo Alcolumbre, Cid Gomes estava de licença médica em casa devido a um problema de saúde e foi chamado às pressas ao plenário por ser relator do projeto.

A PEC da cessão onerosa é um dos principais pontos do pacote de iniciativas que tem sido chamado de reforma do pacto federativo. Concluído o acordo, os senadores aprovaram a quebra de interstício, manobra que permite ao Parlamento realizar os dois turnos de votação da PEC na mesma sessão.

Originalmente, de acordo com o processo legislativo, a matéria teria que passar por cinco sessões de discussão antes de ser votada em primeiro turno, e depois mais três antes do segundo.

No contrato da cessão onerosa, a Petrobras obteve o direito de explorar até 5 bilhões de barris de petróleo por contratação direta, sem licitação. Em troca, a empresa antecipou o pagamento de R$ 74,8 bilhões ao governo.

Toka do Jacare - perkal

Deixe seu Comentário

Leia Também

Brasil
Tasso apresenta relatório final da reforma da Previdência
Brasil
Votação da reforma Tributária será no dia 2 de outubro, prevê Simone
Brasil
Correios suspendem paralisação em todo o país
Brasil
Vídeo – Torcedor do Athletico tem a mão dilacerada ao manusear rojão
Brasil
Prazo para inscrição no Prouni vai até dia 30 de setembro
Brasil
Governo zera imposto de importação de equipamentos médicos
Brasil
Relatório da reforma Tributária será apresentado na quarta-feira
Brasil
“Agenda segue normal”, diz Tereza Cristina sobre crise na Arábia Saudita
Brasil
Nova proposta para Minha Casa Minha Vida será anunciada em dezembro
Brasil
Incêndio em hospital começou em gerador

Mais Lidas

Polícia
Mulher que desapareceu há um mês é encontrada morta por suicídio
Polícia
Após divulgação de imagem, homem faz acordo para devolver veículo
Polícia
Vídeo - Mortes em série de gatos no Villagio Parati intrigam moradores
Geral
Árvore cai e Espírito Santo está interrompida