Menu
Busca sábado, 11 de julho de 2020
(67) 99647-9098
Governo coronavirus 02
Brasil

Mais de 130 países e 17 capitais no Brasil participam da Hora do Planeta

26 março 2011 - 09h20
Mais de 130 países terão parte de suas luzes apagadas às 20h30 (horário local) deste sábado (26) para participar da Hora do Planeta, ação simbólica por meio da qual pessoas, empresas e governos expressam voluntariamente suas preocupações com o meio ambiente e o aquecimento global. No Brasil, 17 capitais confirmaram participação no evento, criado pela organização não governamental (ONG) WWF em 2007. A ideia é que luzes de residências e monumentos sejam apagadas por uma hora. As prefeituras de São Paulo (SP), Rio de Janeiro (RJ), Salvador (BA) e Florianópolis (SC) confirmaram participação no evento, por exemplo. Curitiba (PR), Fortaleza (CE) e João Pessoa (PB) também terão luzes de monumentos apagadas. De acordo com a WWF, um total de 98 cidades no Brasil confirmaram formalmente participação na Hora do Planeta. No Rio de Janeiro, serão apagadas luzes de monumentos como o Cristo Redentor e os Arcos da Lapa. Em São Paulo, as luzes do Estádio do Pacaembu, da Biblioteca Mário de Andrade e dos Arcos do Anhangabaú, da Ponte Estaiada e do Obelisco do Ibirapuera serão apagadas. Outros pontos turísticos no mundo como a Torre Eiffel, em Paris, o relógio Big Ben, em Londres, e o prédio do Empire State, em Nova York, também terão luzes apagadas. saiba mais Entenda como a geração de energia elétrica afeta o meio ambienteDe acordo com a WWF, o evento ganhou novos participantes este ano sobretudo na África, Oriente Médio, Ásia e América. Nações como a Jamaica, Uganda, Chade, Irá, Palestina, Suriname, Azerbaijão e Tadjiquistão aderiram pela primeira vez à Hora do Planeta. A estimativa da ONG é de que mais de 1 bilhão de pessoas participem do evento em todo o mundo. No total, cerca de 3.800 cidades confirmaram participação. Neste ano, a ideia é que o primeiro minuto da Hora do Planeta seja reservado para homenagear vítimas do tsunami no Japão e das enchentes de janeiro no Brasil, além de mortos por outras tragédias naturais. Fonte: G1
PMCG Refis

Deixe seu Comentário

Leia Também

Brasil
Vídeo - Vereador celebra pandemia em “arraiá”: “Viva o coronavírus”
Brasil
Estudante picado por naja pode sair da UTI amanhã
Brasil
“Pai, você vai fazer muita falta”, diz filho de piloto morto em acidente
Brasil
Vídeo: Naja que picou jovem foi encontrada perto de shopping
Brasil
Bolsonaro aprova lei que prioriza teste para profissional essencial
Brasil
Avião cai em São Paulo
Brasil
Reabertura das agências do INSS é adiada para dia 3 de agosto
Brasil
Mega-Sena sorteia R$ 33 milhões nesta quarta
Brasil
Bolsonaro está com coronavírus
Brasil
Bolsonaro está com sintomas de coronavírus

Mais Lidas

Geral
Jovem morre após ser atingido na cabeça por peça de 20kg
Acidente aconteceu em um armazém de grão na cidade de Rio Brilhante
Política
Simone e Nelsinho avaliam como positiva escolha do novo ministro da Educação
Esportes
Botafogo de Ribeirão vê ilegalidade na volta do Campeonato Paulista
Geral
Sindicato do Detran alerta: terceirização vai encarecer vistorias