Menu
Busca segunda, 17 de maio de 2021
(67) 99647-9098
TJMS - maio21
Brasil

Por unanimidade, Wilson Witzel sofre impeachment no Rio

O ex-governador do Rio de Janeiro estava sendo acusado por crime de responsabilidade na pandemia

30 abril 2021 - 16h03Brenda Assis

O Tribunal Especial Misto confirmou nesta sexta-feira (30), o impeachment de Wilson Witzel (PSC) do governo do Rio de Janeiro por crime de responsabilidade. Com isso, o ex-juiz federal perde definitivamente o mandato. Até agora, sete dos dez integrantes do Tribunal votaram pelo afastamento de Witzel —faltam os votos de dois membros. As informações são do G1.

Para que houvesse a cassação do mandato, eram necessários 2/3 dos votos do Tribunal, composto por dez integrantes. Com a decisão, Witzel perde imediatamente o cargo. Ele é o primeiro governador a sofrer impeachment no Brasil.

Os membros do Tribunal ainda decidirão em uma segunda votação qual é o período em que Witzel ficará inabilitado para o exercício de funções públicas —neste caso, a pena máxima é de cinco anos.

Após o fim da sessão, será redigido o acórdão do julgamento e os interessados serão notificados da decisão. Com esse ato burocrático, que deve ocorrer imediatamente, Claudio Castro deixará a condição de interino e assumirá definitivamente o governo do Rio.

Witzel foi considerado culpado por dois crimes de responsabilidade cometidos durante a pandemia de covid-19:

Requalificação da Organização Social (OS) Unir - O governador afastado decidiu, por ato de ofício, reverter a desqualificação da entidade, que apresentava uma série de irregularidades na gestão de unidades de saúde do Rio. A decisão contrariou pareceres técnicos anteriores.

Contratação de hospitais de campanha - Para os membros do Tribunal, Witzel teve participação na contratação da OS Iabas para a construção e operação de sete hospitais de campanha para pacientes com covid-19. O contrato apresenta uma série de ilegalidades. Embora tenham sido pagos R$ 256 milhões dos R$ 770 milhões previstos, apenas um dos sete hospitais entrou em funcionamento --o do Maracanã, com número de leitos muito inferior ao previsto.

Pela manhã, o deputado estadual Luiz Paulo (Cidadania), autor do pedido de impeachment ao lado da colega Lucinha (PSDB), afirmou que "o comando na área da saúde estava contaminado pelo vírus da corrupção".

A defesa de Witzel negou todas as acusações e chegou a pedir a anulação de todo o processo de impeachment desde sua origem, por supostas nulidades. Contudo, o pedido foi rejeitado por unanimidade.

Genetica 1

Deixe seu Comentário

Leia Também

Brasil
Vídeo: Mc Kevin teria caído ao tentar fugir de "flagra" da esposa, diz modelo
Brasil
MC Kevin morre após cair do 11º andar de hotel
Brasil
Ricardo Nunes assume prefeitura de SP definitivamente
Brasil
Caixa inicia pagamento da 2ª parcela do auxílio; confira o calendário
Brasil
Aos 41 anos, morre Bruno Covas, prefeito de São de Paulo
Brasil
Morre Eva Wilma, aos 87 anos, vítima de câncer no ovário
Brasil
Covid: Brasil tem 15,5 milhões de casos acumulados e 434,7 mil mortes
Brasil
Estrangeiros em voos da Índia estão proibidos de entrar no Brasil
Brasil
Neste sábado começa nova política de privacidade do WhatsApp
Brasil
Em quadro irreversível de Câncer, Covas recebe visitas de padre e políticos

Mais Lidas

Polícia
Jacaré é capturado dando 'rolê' em cidade de MS
Internacional
Estados Unidos inicia vacinação contra a Covid-19 em Nova York
Polícia
Morador de rua tenta matar desafeto a pauladas no interior do Estado
Polícia
Briga por capacete acaba em tentativa de homicídio