Menu
Busca terça, 28 de janeiro de 2020
(67) 99647-9098
Perkal Topo - janeiro-20
Brasil

Prorrogação de precatórios dos estados e municípios é aprovada pela CCJ

Segundo Simone Tebet, um acordo vai acelerar a aprovação do projeto nos dois turnos e assim seguir para a Câmara

08 outubro 2019 - 16h51Mauro Silva, com informações da assessoria

A Proposta de Emenda à Constituição de autoria do senador, José Serra (PSDB-SP), foi aprovada nesta terça-feira (8) pela Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) . O projeto prorroga de 2024 para o final de 2028 o prazo para que estados e municípios possam pagar débitos relacionados a precatórios de pessoas jurídicas (empresas). De acordo com a senadora, Simone Tebet (MDB-MS), presidente da comissão, a PEC seguirá para o Plenário nesta quarta-feira (9), onde  está sendo feito um acordo para que a matéria seja votada rapidamente.

A PEC "facilita a execução dos planos de pagamento de precatórios e o processo de ajuste fiscal", beneficiando entes da federação em dificuldades de custear a prestação de serviços públicos ou o pagamento de servidores.

Simone informou que a plano seguirá para o Plenário do Senado provavelmente amanhã. Segundo ela, está sendo construído um acordo para que a matéria seja votada rapidamente nos dois turnos e siga para a Câmara dos Deputados. “Nada mais importante neste momento do que a Casa da Federação (Senado) poder estar ao lado de Estados e Municípios neste momento de crise fiscal”, disse.

A prorrogação do prazo é para o pagamento dos precatórios de empresas. O pagamento de indenizações menores devidas a pessoas físicas foi preservado. Simone Tebet elogiou o relatório do senador Antonio Anastasia. “Da mesma forma em que prorroga o pagamento dos precatórios. (Anastasoa) teve o cuidado de facilitar o pagamento desses precatórios, ao tirá-los do limite do teto de gastos. Também teve sensibilidade de atender com justiça as pessoas físicas, que são os que mais precisam, e que muitas vezes estão já no final da vida aguardando o recebimento desse valor para ter uma velhice digna”, disse a presidente da CCJ.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Brasil
Aos 58 anos, morre diretor do The Voice Kids, Flavio Goldemberg
Brasil
Dívida pública fecha 2019 em R$ 4,249 trilhões
Brasil
Vídeo – Casa desaba e é arrastada por enchente
Brasil
Ana Maria Braga enfrenta novo câncer de pulmão mais agressivo
Brasil
Mega deve pagar R$ 40 mi neste sábado
Brasil
Bolsonaro não recriará Ministério da Segurança
Brasil
''Deus perdoa, a sociedade não'', diz advogada de Bruno
Brasil
Se a pasta de Segurança for reformulada, Moro continua, garante Bolsonaro
Brasil
Vídeo - Prédio desaba com rachadura na contrução
Brasil
Confiança do empresário sobe 65,3 pontos em janeiro

Mais Lidas

Oportunidade
JBS abre 150 vagas em Dourados
Esportes
Prefeitura abre seletiva para projeto de ginástica rítmica
Geral
UEMS suspende divulgação do resultado SISU 2020 temporariamente
Saúde
Prefeitura orienta empresas para evitar foco de dengue em obras públicas