Menu
Busca domingo, 20 de outubro de 2019
(67) 99647-9098
Governo vitimas
Brasil

Vídeo – Torcedor do Athletico tem a mão dilacerada ao manusear rojão

O homem se feriu quando recepcionava o time em frente ao aeroporto de São José dos Pinhais (PR)

17 setembro 2019 - 17h12Mauro Silva

Um homem perdeu a mão esquerda ao manusear um rojão, um tipo de fogos de artifício. O torcedor do Athletico Paranaense se feriu na tarde desta terça-feira (17) em São José dos Pinhais (PR).

Ao recepcionar o time em frente ao aeroporto Afonso Pena, o torcedor da equipe paranaense resolveu recepcionar o time com muito barulho ao estourar um rojão, porém, o momento que deveria se de descontração e alegria acabou virando uma tragédia. Ao manusear a “bomba” o homem  teve a mão esquerda amputada.

Copa do Brasil

O time do Furacão, como é conhecido o time do Paraná, embarcou para Porto Alegre (RS) para enfrentar o Internacional pelo segundo jogo da Copa do Brasil. No primeiro confronto, na última quarta-feira (11) o time paranaense venceu o Inter por 1 a 0.

Acesse o link para visualizar o vídeo (imagens fortes)

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Brasil
Morre quarto bombeiro que combateu incêndio em boate no Rio
Brasil
Senado deve concluir terça-feira votação de mudanças na Previdência
Brasil
Maior roda-gigante da América Latina será inaugurada em novembro
Brasil
Bombeiros encontram mais um corpo de vítima da tragédia em Brumadinho
Brasil
Três militares do Corpo de Bombeiros morreram enquanto tentavam combater incêndio
Brasil
Bombeiros confirmam sétima morte em Fortaleza
Brasil
Vídeo - Incêndio atinge whiskeria no centro do Rio de Janeiro
Brasil
Vídeo - Câmeras mostram funcionário quebrando coluna de prédio antes de desabar
Brasil
Em seis anos, setembro tem a maior criação de empregos para o mês
Brasil
Maurício Sherman, um dos ícones da TV brasileira, morre aos 88 anos

Mais Lidas

Geral
Violeiro Ivo de Souza morre em acidente na BR-163
Brasil
Três militares do Corpo de Bombeiros morreram enquanto tentavam combater incêndio
Esportes
Na capital, Muricy crava Flamengo como campeão do Brasileirão
Polícia
Comerciante é executado na fronteira