Menu
Busca quarta, 05 de agosto de 2020
(67) 99647-9098
Cidade

Emha terá Refis da habitação com condições especiais

Para a quitação total das parcelas em atraso, o mutuário terá desconto de 100% sobre o valor dos juros e multa contratual

12 novembro 2018 - 07h59Da Redação com Assessoria

O novo Refis da Agência Municipal de Habitação (EMHA) chega para facilitar ainda mais a regularização das dívidas dos mutuários inadimplentes. O projeto de lei, com as novas condicionantes e descontos especiais, foi aprovado por unanimidade pela Câmara Municipal de Campo Grande no dia 8 de novembro e passa a valer a partir do dia 19 de novembro, com validade até o dia 15 de janeiro de 2019.

O intuito da Agência é que os mutuários possam utilizar seu 13º para regularizar sua situação contratual com descontos atraentes. Dessa forma, além de ficarem adimplentes, a finalidade do novo programa também é reaver os 53 milhões de reais referentes à dívida dos beneficiários de mais de 24 mil imóveis pertencentes à carteira imobiliária da Agência.

“Mutuários que não pagaram suas prestações em dia terão a oportunidade única de quitas seus débitos, fazer a novação de suas dívidas ou renegociá-las, aproveitando as condições especiais desse final de ano. É preciso ressaltar que temos mais de 42 mil famílias cadastradas na EMHA e que também aguardam a oportunidade do benefício da moradia própria. Por isso, o novo Refis também vai contribuir para que novos programas habitacionais possam ser viabilizados com recursos próprios da Agência”, explicou o diretor-presidente da EMHA, Enéas Netto.

Descontos

No âmbito do Programa Viver Bem Morena, a nova Lei substitui a atual até o dia 15 de janeiro do próximo ano com descontos maiores do que era previsto. Para a quitação total das parcelas em atraso, o mutuário terá desconto de 100% sobre o valor dos juros e multa contratual.

Já para aqueles que farão a quitação parcial das parcelas em atraso, haverá desconto de 80% sobre juros e multa com o pagamento mínimo de 10 prestações atrasadas.

Uma nova modalidade foi inserida neste Refis: o mutuário poderá reparcelar sua dívida, mesmo se já tiver acordo de renegociação vigente (mediante parecer técnico-social), com entrada de 30% do valor total da dívida e desconto de 50% sobre os juros e multa das parcelas em atraso.

Funcionamento aos sábados

A EMHA está se preparando para receber os mutuários inadimplentes, para que procurem a sede da Agência e regularizem a sua situação contratual. Para tanto, além do horário de atendimento normal, de segunda à sexta, das 8 às 17 horas (sem fechar em horário de almoço), passa a realizar o atendimento nos próximos cinco sábados (24 de novembro, 1º de dezembro , 8 de dezembro e 15 de dezembro e 22 de dezembro ) das 8 às 16 horas (sem horário de almoço).

Fechamento da Agência

Diante das peculiaridades da nova Lei, a Agência Municipal de Habitação informa aos cidadãos que, para fins de readequação do sistema informatizado, ajustes e organização de documentos, a EMHA fecha na próxima semana, de 12 a 14 de novembro, já que o efetivo trabalhará em prol da população em regime especial de trabalho a partir do dia 19 de novembro.

Vacinne

Deixe seu Comentário

Leia Também

Cidade
Marquinhos diz que não há necessidade de lockdown
Cidade
Defensoria teria “atropelado” ação por aumento de leitos
Cidade
Defensoria quer “fechar” Campo Grande por 14 dias; saiba porquê
Cidade
Marquinhos diz que, nas blitze, “97% das pessoas estão legais”
Cidade
MP deixa força-tarefa noturna contra a Covid
Cidade
Mistério: arara vermelha amanhece branca na capital
Cidade
Vídeo: em tom grave, Marquinhos diz que fará blitze “assustadoras” a partir de hoje
Cidade
Fumacê passará por oito bairros da capital nesta terça
Cidade
Vídeo: Marquinhos amplia horário de funcionamento do comércio
Cidade
Veja os bairros que recebem o fumacê nesta quarta-feira

Mais Lidas

Justiça
"Fecha ou não fecha", Justiça dá três dias para Marquinhos se posicionar
Internacional
Área de explosão tinha galpões com produto químico, diz Governo Libanês
Justiça
TJ bate recorde em julho
Internacional
Sobe para 50 número de mortos por explosão em Beirute