Menu
Busca sábado, 26 de setembro de 2020
(67) 99647-9098
Cultura

Cinema d(e) Horror abre hoje a temporada 2013 no Centro Cultural com o filme VIPs

24 abril 2013 - 10h17Divulgação

O projeto Cinema (d)e Horror abre a temporada 2013 nesta quarta-feira (24), às 18h30, na sala Rubens Corrêa, do Centro Cultural José Octávio Guizzo com o filme nacional “VIPs”. A entrada para a exibição é franca.

Dirigido por Toniko Melo, VIPs (Brasil/2010/95min/12anos) é protagonizado pelo ator Wagner Moura nas figuras de Marcelo Rocha, Bizarro, Carreira, Henrique Constantino e outros e foi o grande vencedor do festival do Rio 2010.

O filme narra as peripécias de Marcelo Nascimento da Rocha, um rapaz que vive várias realidades ao assumir uma personalidade multifacetada ao longo de sua vida. A trama sugere a ideia de que Marcelo é filho de uma mãe solteira, mas vivera toda a sua infância na companhia de um pai imaginário, piloto de avião.

Dotado de uma inteligência fora do comum e talvez de uma baixa autoestima, no que se refere ao medo e à agonia de ser um “Zé Ninguém”, comum aos brasileiros de classe média-baixa, Marcelo é capaz de criar e assumir diversas identidades para alcançar sua ascensão social.

Uma das personalidades mais importantes vivenciadas por Marcelo foi a de “Carreira”, identidade que a personagem assumiu em um país de fronteira com o Brasil, quando conseguira um trabalho como piloto de avião (seu grande desejo) para uma equipe de tráfico de drogas.

Marcelo volta para a casa de sua mãe, depois de ser pego em flagrante pela polícia fazendo transporte de drogas na fronteira do país e conseguir, em seguida, escapar dos policiais. Em seguida elabora um plano ainda mais ousado: por meio de contatos, mudança na aparência e trambiques, Marcelo vai para uma festa de celebridades em Recife assumindo a identidade de Henrique Constantino, herdeiro da empresa aérea Gol.

Assumindo a máscara de Constantino, Marcelo acaba sendo o centro das atenções dessa grande festa (por conseguir se passar pelo patrocinador do evento). Silvia, (encenada pela atriz Gisele Fróes), rotulada como louca pelas celebridades presentes na festa, é quem acaba descobrindo e revelando a farsa de Marcelo.

Apesar de Silvia apontar que Marcelo precisava de ajuda, a personagem acaba sendo presa e criando, dentro da prisão, uma outra identidade. É interessante observar que, ao longo do filme, o próprio Marcelo acaba se confundindo, vivendo e acreditando em suas tramas.

O projeto Cinema d(e) Horror está em seu sexto ano e é administrado pela professora doutora Rosana Cristina Zanelatto Santos, coordenadora da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (Propp) da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul e por Carol Sartomen, mestra em Estudos de Linguagens da UFMS e mediadora dessa edição.

Geralmente tem duas exibições mensais e conta com a participação de graduandos e mestrandos da área de Letras da UFMS ou convidados especiais para as exibições e debates de filmes que tratam da categoria "Horror" no plano das artes, contando também com a participação da sociedade.

Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 3317-1795 ou no Centro Cultural José Octávio Guizzo que fica localizado na rua 26 de Agosto, 453, entre as ruas Calógeras e a 14 de Julho.

Via Notícias MS

Deixe seu Comentário

Leia Também

Cultura
Acontece hoje a 1ª Parada online da Cidadania e do Orgulho LGBTQIA+/MS
Cultura
Feira Central “ressuscita” apresentações musicais nesta quinta
Cultura
Júlio Cocielo se tornou réu na Justiça de São Paulo sob acusação de racismo
Cultura
"Posso ver meus filhos novamente" diz Wesley Safadão após resultado negativo do exame da covid-19
Cultura
Toots Hibbert, a lenda do reggae, morre aos 77 anos na Jamaica
Cultura
Lives: Maiara e Maraísa e Marcos e Belutti agitam esta sexta
Cultura
DJ Danilo Bachega comemora 25 anos de carreira com remix de Lulu Santos
Cultura
Jads e Jadson fazem live hoje
Cultura
Autocine deste domingo tem atração para criançada e com “A raposa má”
Cultura
Carnaval de Corumbá entra para o calendário oficial de MS

Mais Lidas

Brasil
Motorista morre ao sofrer descarga elétrica em fazenda
Geral
"A grande culpa é de Sheiza", diz esteticista denunciada pela morte de estudante brasileira
Cidade
Procon Estadual autua seis agências bancarias na capital
Polícia
Jovem é alvejado com seis tiros em espetinho no MS