Menu
Busca sábado, 24 de agosto de 2019
(67) 99647-9098
Economia

No “Dia Livre de Impostos”, capital terá cerveja com metade do preço

O evento é promovido pela CDL/CG, e os descontos na bebida serão de 50%

21 maio 2019 - 13h30Rayani Santa Cruz, com informações da assessoria

No dia 30 de maio, o “Dia Livre Sem Impostos CG” será realizado em bares da rua José Antônio, em Campo Grande. A partir das 17h30, os estabelecimentos irão vender cerveja com 50% de desconto, valor dos tributos na bebida mais consumida no país.

O evento é uma realização da Câmara de Diligentes Lojistas (CDL), e visa a conscientização da população sobre as altas cargas tributárias pagas no país. Para a CDL, é uma forma de materializar a conscientização, já que os lojistas participam comercializando produtos ou serviços isentos de impostos, arcando eles mesmos com os impostos descontados nesse dia.

“O brasileiro trabalha 153 dias por ano para pagar impostos. Em alguns setores, como o eletrônico, as cargas são de 43%. O Dia Livre Sem Impostos serve para trazermos essas bandeiras e debatermos a reforma tributária”, avalia Adelaido Vila, presidente da CDL/CG.

O brasileiro trabalha, aproximadamente, cinco meses do ano para pagar impostos. O Brasil é o 14º em um ranking de países que mais arrecada imposto, porém, é o último em retorno do dinheiro para a população, de acordo com o IBPT (Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação).

A iniciativa de realizar o evento em bares serve também de conscientização. “Para ressaltamos a importância, também, do "Maio Amarelo", realizamos parcerias com aplicativos de carona compartilhada para que o consumidor tenha seu happy hour e chegue em segurança à sua casa”, explica.

Participam do Dia Livre de Impostos CG os bares: Valfarre, Saideira e Água Doce Cachaçaria. O happy hour começa a partir das 17h30.

A CDL/CG também irá realizar campanhas de prevenção e conscientização nos locais.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Economia
Seguro facultativo garante benefícios a quem não exerce atividade remunerada
Economia
Acima de R$ 4,12, dólar fecha no maior valor em quase um ano
Economia
Julho registra abertura de 43,8 mil postos de trabalho
Economia
Ministério da Economia corta despesas para garantir serviços essenciais
Economia
Bolsonaro diz que vai ouvir Guedes sobre novo imposto
Economia
Aumento na conta de luz pressiona inflação para os mais pobres
Economia
Financiamento imobiliário com taxas diferenciadas é anunciado pelo BB
Economia
Índice de confiança do empresário tem alta pelo 3º mês seguido
Economia
Fiems apresenta aos militares do exército potencial econômico de MS
Economia
Coaf muda para o Banco Central

Mais Lidas

Polícia
Polícia apresenta acusado de estupro e roubo no Jardim Carioca
Polícia
Família encontra jovem morto e suspeita é de suicídio
Polícia
Confusão em tabacaria da Moreninha termina em morte
Polícia
Rapaz é contatado por aplicativo para fazer corrida e desaparece