Menu
Busca quinta, 28 de maio de 2020
(67) 99647-9098
Educação

Estudantes “abraçam” prédios do IFMS em defesa da educação

Servidores do instituto também participaram do ato em oito unidades do estado

13 maio 2019 - 18h36Joilson Francelino, com informações da assessoria

Estudantes e servidores do Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS) participaram na manhã desta segunda-feira (13) de um ato em defesa da educação profissional, científica e tecnológica. Os prédios da instituição em Aquidauana, Campo Grande, Corumbá, Coxim, Dourados, Nova Andradina, Ponta Porã e Três Lagoas foram "abraçados".

A mobilização nacional foi organizada pela Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica diante do bloqueio de crédito orçamentário anunciado pelo governo federal no dia 30 de abril.

De acordo com nota emitida pelo Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (Conif), do qual o IFMS faz parte, cerca de R$ 900 milhões estão bloqueados, o que representa de 37% a 42% dos recursos de custeio previstos para o funcionamento das unidades.

No caso do IFMS, dos R$ 40 milhões previstos na Lei Orçamentária Anual (LOA) para 2019, quase R$ 17 milhões estão bloqueados. O valor representa 42% das despesas discricionárias, o que inclui investimentos em obras e aquisição de equipamentos, além do custeio para a manutenção.

Antes do abraço simbólico no prédio da reitoria, em Campo Grande, o reitor Luiz Simão Staszczak explicou aos servidores que os impactos do bloqueio de crédito só serão sentidos no segundo semestre, caso o governo federal não volte atrás na medida. "Neste momento, a orientação aos diretores de campi e demais gestores é manter todo o planejamento previsto para este primeiro semestre, até porque as cotas-limite de empenho até o mês de junho estão garantidas. No final do mês que vem, nós faremos nova avaliação para saber como será o cenário no segundo semestre", explicou Luiz Simão.

Durante o ato, os servidores da reitoria usaram cartazes com frases como #abraço pela educação" e "buzine pela educação"para chamar a atenção de motoristas que passavam pelo local.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Educação
Inscrições no Enem terminam nesta quarta
Educação
Pagamento do Fies pode ser suspenso por até 4 meses
Educação
Mais duas escolas aderem ao desconto durante a suspensão de aulas
Educação
Junho pode chegar com aulas presenciais nas escolas particulares
Educação
Novas escolas aderem ao desconto em mensalidade, veja a lista
Educação
MEC adia prazo de inscrição do Enem para 23h59 de quarta-feira, 27 de maio
Educação
Aulas pela TV aberta começam nesta segunda
Educação
Inscrições do Enem terminam hoje
Educação
Mesmo adiado, sexta-feira é o último dia para se inscrever no Enem
Educação
Bolsonaro adia Enem, porém sem data definida

Mais Lidas

Geral
Pais vendem rifa para arrecadar R$ 23 mil em 15 dias e pagar cirurgia de bebê
Polícia
Marun e Carlão têm celulares clonados e criminosos pedem dinheiro
Geral
Acumulou! Ninguém acerta e prêmio da Mega-Sena vai a R$ 38 milhões
Geral
Mãe de Neymar reata com modelo e compra flat para ele, diz jornal