Menu
Menu
Busca quarta, 19 de junho de 2024
Governo - Vazio sanitario Jun24
Geral

Água, esgoto e resíduos sólidos são temas de seminário no Crea-MS

26 maio 2016 - 17h39Assessoria/ SUEST-MS/FUNASA

Ampliar o acesso à água potável, tratamento de esgoto e destinação adequada do lixo impactam diretamente na qualidade de vida das pessoas. Universalizar o acesso a toda a população é um desafio para a maior parte das cidades brasileiras e do Mato Grosso do Sul. O assunto será tema do 1º Seminário Estadual de Saneamento e Saúde, realizado nos dias 01 e 02 de junho, no auditório do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea-MS), em Campo Grande.

O evento é uma iniciativa da ABES (Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental - MS), Fundação Nacional de Saúde (Funasa) e Governo do Estado em alusão ao Dia Mundial do Meio Ambiente (05 de Junho) e trará palestras, painéis e mesas redondas com a participação de especialistas nas diversas vertentes do saneamento no Brasil. A palestra inaugural, com o tema “Mais saneamento, menos dengue, zika vírus e chikungunya”, será ministrada pelo presidente nacional da ABES, o engenheiro Dante Ragazzi Pauli. Outro destaque é a participação do diretor executivo do Instituto Trata Brasil, Édison Carlos, com a apresentação de um estudo sobre os benefícios econômicos da universalização do saneamento no país.

O seminário é aberto ao público. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas no site do CREA - MS (http:www.creams.org.br/CursoseEventos/ListadeCursos.aspx) . São esperadas 400 pessoas entre profissionais e estudantes das áreas de engenharia, meio ambiente e saneamento, além de autoridades e interessados no assunto. “Convidamos a todos do segmento para discutir o saneamento enquanto investimento na redução de agravos ambientais e melhoria da saúde pública. Esperamos também a presença de profissionais de áreas relacionadas à vigilância ambiental em saúde”, afirma Aroldo Ferreira Galvão, presidente da ABES-MS.

A expectativa dos organizadores é que as ideias e propostas discutidas durante o seminário possam servir de base às políticas públicas voltadas à universalização do acesso ao saneamento nas cidades do estado em três demandas principais: água, esgoto e resíduos sólidos. De acordo com o presidente da ABES-MS, Campo Grande é uma capital privilegiada no que diz respeito à cobertura de rede de água e serviço de esgoto convergindo para a universalização.

No cenário estadual, segundo o técnico, os principais desafios são a ampliação do esgotamento sanitário e também o tratamento adequado do lixo. “A região centro- oeste ainda é uma das piores em atendimento de esgoto, há muito que se fazer. Já a área de resíduos sólidos é ainda mais sensível, pois ainda não temos uma política de coleta, reciclagem e destinação final”, destaca Aroldo Galvão. “Precisamos socializar a importância destes temas com os profissionais do meio, autoridades e estudantes para que estes antes de sair da faculdade possam se posicionar com conhecimento de causa”.

O 1 º Seminário de Saneamento e Saúde é uma iniciativa da ABES- MS (Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental), Funasa e Governo do Estado, com apoio do CREA- MS, Sanesul, Águas Guariroba, Sicredi, UCDB, UFMS, Uniderp e IEMS.

Mais informações:

 (67) 3384-3579

Reportar Erro

Deixe seu Comentário

Leia Também

Juiz Fábio Possik Salamene -
Justiça
TJ designa 'desembargador substituto'
Leonildo Herrero atuou por 38 anos na Santa Casa da Capital
Geral
Morre o médico Leonildo Herrero
Prime Video anuncia série inspirada na penitenciária de Tremembé
Geral
Prime Video anuncia série inspirada na penitenciária de Tremembé
Escola Municipal na Vila Nasser ganha ponto de coleta de óleo usado
Geral
Escola Municipal na Vila Nasser ganha ponto de coleta de óleo usado
Jamil Name Filho, também conhecido como
Justiça
Caso Playboy da Mansão: juiz autoriza Jamilzinho ser julgado por videoconferência
Bilhete de aposta da Mega-Sena
Geral
Sem acertos, prêmio da Mega-Sena sobe para R$ 60 milhões
Aparecida Graciano de Souza é acusada de homicídio qualificado -
Interior
Idosa acusada de matar e esquartejar marido em MS pede liberdade à Justiça
Segmento receberá ajuda financeira
Geral
Governo anunciará medidas para o setor audiovisual brasileiro
Jamil Name Filho, também conhecido como
Justiça
TJMS aumenta pena de Jamilzinho para 15 anos por extorsão com taco de beisebol e armas
Coronel Nivaldo de Pádua assume Subcomando-Geral da PM
Geral
Coronel Nivaldo de Pádua assume Subcomando-Geral da PM

Mais Lidas

Inverno 2024
Clima
Inverno começa nesta semana e deve ter temperaturas acima da média em 2024
Menina fez o jogo e guardou o bilhete em casa
Geral
50 milhões! Criança acerta números da Mega-Sena, mas pais esquecem de pagar aposta
Sol raiou em Campo Grande
Clima
Tempo seco breca chegada de frente fria e calor se mantém nesta terça em MS
Prefeitura abre processo seletivo para pessoas com ensino médio
Cidade
Prefeitura abre processo seletivo para pessoas com ensino médio