Menu
Menu
Busca terça, 28 de maio de 2024
Secovi
Geral

ALERTA: Detran-MS fala sobre falsa autoescola e site criado para dar golpe da CNH

A denúncia foi encaminhada por meio da Ouvidoria; Entenda

16 março 2023 - 18h09Brenda Leitte

O Detran-MS (Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul), alerta para o golpe da falsa autoescola e site clonado para emissão da CNH (Carteira Nacional de Habilitação). Denúncia encaminhada por meio da ouvidoria, indica atuação de estelionatários, com a promessa de realizar todo processo para emissão da primeira habilitação.

Conforme relato, a pessoa chegou a fazer aulas e prova na autoescola da Capital, denominada Ativa. Porém, no momento de retirar a CNH a empresa tinha sumido. O QR Code da guia de "aprovação" anexada a denúncia, direciona para um falso site que possui a mesma interface do Portal de Serviços do Detran-MS, mas com domínio diferente do site oficial.

A foto do condutor, um campo afirmando que os dados são os mesmos da base do Detran-MS, chave de registro de consulta, QR Code para gerar e imprimir a CNH, e um aviso em vermelho que pede atenção, dizendo “você possui 1 pagamento pendente! Regularize seus débitos para emissão do registro,” são campos inexistentes no site oficial.

Robson Alencar

O diretor de Tecnologia da Informação, Robson Alencar, orienta que mais pessoas não caim em golpes. Segundo ele, é fundamental que a população busque sempre pelos canais oficiais. "O primeiro passo é buscar Centros de Formação de Condutores credenciados. No Detran, em números, é possível filtrar por município e verificar o índice de aprovação. O segundo passo é sempre olhar o domínio que hospeda o site, para ver se é um domínio oficial. O oficial é o Gov.br, nenhum site de governo conta o '.com' ”, orientou.

O endereço utilizado no golpe em questão é o "detranautenticidade.com". Já o site oficial do Detran-MS é o "www.detran.ms.gov.br". A lista de autoescolas credenciadas, e a situação de cada uma fica disponível no menu "Habilitação" no Portal de Serviços, no campo "CFC - Centro de Formação de Condutores", podendo ser filtrada por município. Fique atento!

 

Tenha em seu celular o aplicativo do JD1 e acompanhe em tempo real todas as notícias. Para baixar no IOS, clique aqui. E aqui para Android.

Reportar Erro
Assembleia - Maio24

Deixe seu Comentário

Leia Também

Funtrab fica localizada na Rua 13 de maio, 2773
Geral
'Feirão da Empregabilidade' na Funtrab vai oferecer 168 empregos na terça
Davi Brito, ganhador do BBB 24, admite que usou doações para ir ao RS
Geral
Davi Brito, ganhador do BBB 24, admite que usou doações para ir ao RS
Fachada da Câmara Municipal de Campo Grande -
Justiça
TJ manda empossar suplente filiado ao PSDB
Hanna é de porte grane e da cor marrom
Geral
Viu a Hanna? Cachorra sumiu na Vila Aymoré; tutoras oferecem recompensa
Governo de MS ajudará com a compra de medicamentos para o Rio Grande do Sul
Geral
Governo de MS ajudará com a compra de medicamentos para o Rio Grande do Sul
JD1TV: Dono da Havan alerta sobre golpes de 'doações' que usam sua voz
Geral
JD1TV: Dono da Havan alerta sobre golpes de 'doações' que usam sua voz
Peugeot 206, prata, ano 2001 (Placa HSP1984)
Geral
Recebendo multas em seu nome, estudante tenta encontrar carro vendido em 2018
Alexandre de Moraes
Brasil
Recursos de delações e condenações devem ser destinados pela União, diz STF
Intenção de consumo das famílias recua em maio
Geral
Intenção de consumo das famílias recua em maio
 Ministério Público de Mato Grosso do Sul (MPMS) -
Interior
Ação judicial obriga reforma em unidade de acolhimento de Paraíso das Águas

Mais Lidas

Waldeli dos Santos Rosa -
Política
Ex-prefeito é condenado por espalhar "Deep Fake" em Costa Rica
Vítima morreu ainda no local
Polícia
Homem é morto a tiros após jogar salgado em dono de lanchonete
Campo Grande amanhece encoberta de névoa
Clima
Campo Grande amanhece com neblina e frio ganha novo aliado nesta segunda
Delegadas Elaine Benicasa e Analu Lacerda deram detalhes sobre o crime de Amalha Mariano
Polícia
Nova versão: Caminhoneiro matou corretora após discussão em caso extraconjugal