Menu
Menu
Busca domingo, 16 de junho de 2024
Senar Junho24
Geral

Arara-azul e tamanduá-bandeira terão verba de proteção

Reinaldo Azambuja e Jaime Verruck assinaram convênio de R$ 899 mil para proteção das espécies

27 outubro 2022 - 15h00Pedro Molina     atualizado em 27/10/2022 às 15h13

O Governo do Estado de Mato Grosso do Sul firmou, nesta quinta-feira (27), uma parceria com os institutos Arara-Azul (IAA) e de Pesquisa e Conservação de Tamanduás no Brasil (IPCTB), que irão receber, em conjunto, investimento de quase um milhão para proteção dessas duas espécies típicas do Pantanal sul-mato-grossense.

Os termos de colaboração, assinados pelo governador Reinaldo Azambuja e pelo secretário de Meio Ambiente, Jaime Verruck, firmam um investimento de R$ 899 mil, que será utilizado em ações de conservação dos animais.  “É um gesto que faz a diferença na luta que esses institutos têm de preservação e manutenção das espécies. Se a gente não cuidar, vai acabar”, disse Reinaldo.

O IAA vai receber R$ 499.531, que irá investir em ações de pesquisa, turismo e produção de artesanato, tudo com objetivo de conservação da arara-azul-grande na natureza.

O valor também será utilizado na compra de computadores, uma câmera fotográfica e uma caminhonete adaptada para turismo de observação, capacitação em oficinas de artesanato, compra de uma carga de 10 mil quilos de argila para confecção de peças artesanais, e a contratação de uma consultoria para aprimoramento de atividades turísticas.

Já o IPCTB receberá R$ 400 mil, e investirá na criação de um protocolo de manejo de tamanduás-bandeira, que buscará reabilitar animais feridos e órfãos que passaram por cuidados em cativeiro.

Também será investido na identificação de potenciais áreas para solturas e reabilitação, além da produção e distribuição de mil cartilhas de educação ambiental sobre o Pantanal e sua fauna, que serão distribuídas nas escolas da rede pública e em pousadas e agências de ecoturismo.

O instituto também investirá em cursos de capacitação para professores de Ciências das redes de ensino regular.

Reportar Erro

Deixe seu Comentário

Leia Também

Foto: Pixabay
Geral
Festival do Vinho terá degustação aberta ao público dia 28 de junho na Capital
Foto: Rovena Rosa Agência Brasil
Geral
Enel confirma investimento de R$20 bilhões para acabar com apagões no Brasil
Governador Eduardo Riedel ao lado do prefeito de Batayporã, Germino Roz
Geral
Investimento de R$ 23,3 milhões deve solucionar enchentes em Batayporã
Projeto busca incentivar consumo de plantas não convencionais
Geral
Projeto busca incentivar consumo de plantas não convencionais
Homem agride a esposa após achar que ela pegou sua carteira em Dourados
Geral
Homem agride a esposa após achar que ela pegou sua carteira em Dourados
Governador Eduardo Riedel na 46° edição da Expotrês
Geral
Na Expotrês, Riedel elogia inovações que aumentam produtividade do agro
Força-tarefa vai avaliar os pedidos de imigrantes acampados no Aeroporto de Guarulhos
Geral
Força-tarefa vai avaliar os pedidos de imigrantes acampados no Aeroporto de Guarulhos
JD1TV: "Caixa elétrica" aberta assusta transeuntes
Geral
JD1TV: "Caixa elétrica" aberta assusta transeuntes
Grupo convoca ato "Criança não é mãe" contra o PL 1904 neste sábado na Capital
Geral
Grupo convoca ato "Criança não é mãe" contra o PL 1904 neste sábado na Capital
Passageiros desmaiam de calor após 3 horas dentro de avião sem ar-condicionado
Geral
Passageiros desmaiam de calor após 3 horas dentro de avião sem ar-condicionado

Mais Lidas

IMAGENS FORTES: mulher morre após ser devorada por rottweilers em casa de prostituição
Polícia
IMAGENS FORTES: mulher morre após ser devorada por rottweilers em casa de prostituição
JD1TV: Jovens morrem ao caírem de 12 metros de altura enquanto esperavam show em boate
Internacional
JD1TV: Jovens morrem ao caírem de 12 metros de altura enquanto esperavam show em boate
À polícia, homem contou que disparo foi acidental, versão que é contestada por amigos da vítima
Polícia
Homem que deu tiro na cabeça de esposa passou em bar antes de voltar para local do crime
Vítima, que era pessoa com deficiência, não tinha família na Capital e era próxima dos vizinhos
Polícia
Marido de mulher baleada na cabeça já havia quebrado perna da vítima