Menu
Busca sábado, 11 de julho de 2020
(67) 99647-9098
Governo coronavirus 02
Geral

Bairro Nova Lima receberá o plantio de mil mudas de árvores

17 dezembro 2011 - 09h32Arquivo

Na próxima segunda-feira (19), às 8 horas, mais um bairro de Campo Grande será contemplado com o projeto Via Verde. Desta vez, o escolhido foi o bairro Nova Lima, onde serão plantadas mil mudas de árvores. O bairro é o segundo mais populoso de Campo Grande, segundo o censo IBGE/2010. O evento acontecerá na rua Zulmira Borba esquina com a Rua Jerônymo, onde estarão presentes o prefeito Nelson Trad Filho e o secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano, Marcos Antônio Moura Cristaldo.

Entre as ruas em que o plantio será realizado estão: Jerônimo de Albuquerque, Marquês de Herval, Matias de Albuquerque e Botafogo. As espécies das árvores escolhidas para a região são adequadas para o plantio em passeios públicos e se adaptam às novas regras do Plano Diretor de Arborização Urbana, entre elas estão a aroreira pimenta, pata-de-vaca, caroba, ipê roxo e saboneteira.

Projeto Via Verde já plantou 10 mil árvores

O projeto Via Verde visa ao plantio de espécies arbóreas apropriadas para os passeios públicos, como alternativa para recompor os espaços vazios, preservar o meio ambiente e proporcionar uma melhoria na qualidade de vida aos campo-grandenses, fazendo parte do programa de Arborização Urbana de Campo Grande. Desde seu lançamento em setembro de 2010, por meio do projeto foram plantadas cerca de 10 mil árvores em diversas regiões da cidade.

De acordo com levantamento realizado pela Divisão de Fiscalização de Áreas Verdes e Posturas Ambientais (DFAP), o índice de depredação das árvores plantadas é próximo a 40%. Um exemplo deste índice foi o plantio de 350 mudas realizado na avenida Fraiburgo, no bairro Moreninha, onde a destruição atingiu 85% das árvores plantadas.

"Atualmente, o projeto está plantando 1.200 mudas de árvores na região do bairro Amambaí, lá existem muitas árvores antigas. Então, trabalhamos no manejo e adequação do local ao Plano Diretor de Arborização Urbana do município", afirma Orsival Simões Júnior, diretor da Divisão de Fiscalização de Áreas Verdes e Posturas Ambientais, que pede a contribuição dos moradores do bairro para ajudar na preservação das mudas.

O secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano, Marcos Antônio Moura Cristaldo também salientou a importância da parceria entre poder público e população, para que os índices de depredação das árvores diminuam. "A arborização contribui para a qualidade de vida, diminuindo a poluição atmosférica, sonora e visual, além de preservar o solo, diminuindo erosões e enchentes. Esperamos que a população colabore com o projeto, preservando as mudas plantadas nas proximidades de sua residência", ressaltou Cristaldo.

Para saber mais sobre o programa de Arborização Urbana de Campo Grande acesse: http://www.capital.ms.gov.br/meioambiente

PMCG Refis

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Jovem morre após ser atingido na cabeça por peça de 20kg
Acidente aconteceu em um armazém de grão na cidade de Rio Brilhante
Geral
Sindicato do Detran alerta: terceirização vai encarecer vistorias
Geral
Bolivianos bloqueiam fronteira e reivindicam ativação de hospital
Geral
Vídeo: Não era OVNI! Meteoro clareou céu da capital e interior
Geral
Em meio à pressão internacional, desmatamento na Amazônia dispara
Geral
Caixa libera mais um saque do auxílio de R$ 600; veja quem tem direito
Geral
Funtrab tem vaga para açougueiro, caseiro, marceneiro e outras
Geral
Vídeo: Meteoro, OVNI, o que rasgou o céu na região do Santa Maria?
Geral
AO VIVO - V12 e DJ Marcelo Natureza tocam as mais pedidas pelo público
Geral
Banda de pop/rock, V12 fará live nesta quinta-feira

Mais Lidas

Geral
Jovem morre após ser atingido na cabeça por peça de 20kg
Acidente aconteceu em um armazém de grão na cidade de Rio Brilhante
Política
Simone e Nelsinho avaliam como positiva escolha do novo ministro da Educação
Esportes
Botafogo de Ribeirão vê ilegalidade na volta do Campeonato Paulista
Geral
Sindicato do Detran alerta: terceirização vai encarecer vistorias