Menu
Busca domingo, 17 de novembro de 2019
(67) 99647-9098
Geral

'Boom imobiliário' no Paraguai atrai corretores de MS

O país vizinho cresceu na última década mais de 5% ao ano

05 agosto 2019 - 14h14Mauro Silva, com informações da assessoria

O 1º Congresso de Inversionistas de Frontera (Congresso dos Investidores de Fronteira), realizado na sexta-feira (02), em Pedro Juan Caballero, cidade paraguaia que faz fronteira com Ponta Porã (MS), reuniu mais de 250 empresários, comerciantes e autoridades.

A diretoria do Sindimóveis-MS prestigiou o evento a fim de conhecer os benefícios e as facilidades que o Paraguai oferece aos empresários para a instalação de empresas no país. Com o programa "Indústria Sem Fronteiras" 87 empresas dos Estados de Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, São Paulo, Paraná, Rio de Janeiro e Santa Catarina já se instalaram na fronteira.

Na última década, o Paraguai alcançou um verdadeiro milagre econômico: o país cresceu mais de 5% ao ano, a inflação média do período não chegou a 4% e a taxa de desemprego permaneceu em admiráveis 6%. O presidente do Sindimóveis-MS, João Araújo Filho, acredita que o mercado imobiliário no Paraguai tem se mostrado promissor para quem pretende vender também imóveis. "O aquecimento do mercado também atinge os brasileiros. Construtoras do Brasil e profissionais liberais são cada vez mais requisitados no país vizinho. É um novo nicho para os corretores de imóveis", frisou.

Segundo dados do governo local, sete em cada dez indústrias que se instalaram no Paraguai nos últimos cinco anos, são de brasileiros e muito se deve a lei que isenta empresas de impostos e estimula diretamente o crescimento.

No primeiro quadrimestre deste ano, a oferta de crédito para construção aumentou 81%. O empréstimo para imóvel pronto, cujos juros variam de 8% a 12% ao ano, pode ser pago em até 25 anos. Para construção, os financiamentos variam de 20 a 25 anos. O presidente do Sindimóveis-MS, João Araújo Filho, cita que "o valor do metro quadrado para construir varia de R$ 800 a R$ 2,5 mil".

Evento

O 1º Congresso de Investidores de Fronteira Pedro Juan Caballero-Ponta Porã contou com a presença do Governador de Amambay, Ronald Acevedo, do prefeito de Pedro Juan Caballero, Jose Carlos Acevedo, do vice-ministro de Indústrias, Luís Llamosas, representando o governo do Paraguai, do presidente da FIEMS (Federação de Industria e Comercio do Mato Grosso do Sul) Sergio Longen, do vice-ministro da Semagro (Secretaria de Industria e Comercio do Mato Grosso do Sul), Bruno Gouveia Bastos, que este acompanhado do presidente do Sebrae, Cláudio Mendonça.

Athus Ingles

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Um morre e dois ficam presos às ferragens em acidente na BR-267
Geral
Chuvas deixam mais de 600 pessoas desabrigadas
Geral
Ex-piloto da Stock Car, Tuka segue está em estado grave após acidente aéreo
Geral
Mega-Sena pode pagar R$ 10,5 mi neste sábado
Geral
Começa o período de defeso para algumas espécies de peixe
Geral
"Nova etapa de evolução política" Mourão exalta 130 anos da República
Geral
Sábado começa sem atrasos e cancelamentos no aeroporto da capital
Geral
Prefeitura lamenta ocorrido e esclarece motivo de atraso do Morenão
Geral
Vai viajar no feriado? Aeroporto da capital opera sem atrasos e cancelamentos
Geral
Ex-prefeito de Dois Irmãos, "Cascão", morre aos 87 anos

Mais Lidas

Polícia
Guarda Municipal é preso viajando com 40 quilos de cocaína
Cidade
"Direito de ir e vir" diz guarda sobre uso de spray de pimenta em protesto
Esportes
Vídeo - veja como foi o resgate de Pedro Scooby após acidente no mar
Polícia
Bebê de 1 ano cai em vasilha de comida de porcos e morre afogada