Menu
Menu
Busca domingo, 16 de junho de 2024
Governo - Vazio sanitario Jun24
Geral

Casa do Deputado Mandetta é novo alvo de manifestantes contra a Reforma da Previdência

Cerca de 200 pessoas, segundo a assessoria da Fetems, partiram em carreata para o local

16 março 2017 - 15h12Gerciane Alves

Depois das residências do Deputado Carlos Marun e da Deputada Tereza Cristina os manifestantes contra a Reforma da Previdência decidiram que farão um protesto na tarde desta quinta-feira (16) na frente da casa do Deputado Federal Luiz Henrique Mandetta. De acordo com informações cerca de 200 pessoas partiram em carreata para o local.

De acordo com a assessoria de comunicação da Fetems (Federação dos Trabalhadores em Educação de Mato Grosso do Sul) o grupo é formado por uma parte dos manifestantes que estão acampados na frente do Residencial Damha 2, onde mora o deputado Carlos Marun que preside a comissão que trata da Reforma. 

O objetivo, ainda segundo a assessoria é fazer com que o Deputado Mandetta deixe de apoiar a reforma. Na manhã de hoje, os manifestantes foram informados que a deputada já entrou em contato com o presidente da Fetems e disse ser contra a Reforma da Previdência. Uma reunião da parlamentar foi agendada com os representantes sindicais para o próximo domingo.

Manifestação

As manifestações começaram em todo o país nesta quarta-feira (15 com o objetivo de barrar as mudanças na Reforma da Previdência, projeto do presidente Michel Temer que trata de mudanças na aposentadoria dos trabalhadores brasileiros. O texto da PEC é criticado, pois, aumenta o tempo de contribuição e de acesso à aposentadoria. 

Em Campo Grande, os atos começaram às 8h em frente à ACP ( Sindicato Campo-Grandense dos Profissionais da Educação Pública) e seguiram para a praça Ary Coelho. Por volta das 10h30, um grupo de cerca de 600 pessoas foi para frente do condomínio Damha, onde mora o deputado federal Carlos Marun, relator da Comissão Especial de análise da PEC que trata sobre a reforma na Câmara Federal.
Os manifestantes, que chegaram em ônibus escolar, permanecem acampados no local e prometem resistir até domingo (19).

Reportar Erro

Deixe seu Comentário

Leia Também

Foto: Pixabay
Geral
Festival do Vinho terá degustação aberta ao público dia 28 de junho na Capital
Foto: Rovena Rosa Agência Brasil
Geral
Enel confirma investimento de R$20 bilhões para acabar com apagões no Brasil
Governador Eduardo Riedel ao lado do prefeito de Batayporã, Germino Roz
Geral
Investimento de R$ 23,3 milhões deve solucionar enchentes em Batayporã
Projeto busca incentivar consumo de plantas não convencionais
Geral
Projeto busca incentivar consumo de plantas não convencionais
Homem agride a esposa após achar que ela pegou sua carteira em Dourados
Geral
Homem agride a esposa após achar que ela pegou sua carteira em Dourados
Governador Eduardo Riedel na 46° edição da Expotrês
Geral
Na Expotrês, Riedel elogia inovações que aumentam produtividade do agro
Força-tarefa vai avaliar os pedidos de imigrantes acampados no Aeroporto de Guarulhos
Geral
Força-tarefa vai avaliar os pedidos de imigrantes acampados no Aeroporto de Guarulhos
JD1TV: "Caixa elétrica" aberta assusta transeuntes
Geral
JD1TV: "Caixa elétrica" aberta assusta transeuntes
Grupo convoca ato "Criança não é mãe" contra o PL 1904 neste sábado na Capital
Geral
Grupo convoca ato "Criança não é mãe" contra o PL 1904 neste sábado na Capital
Passageiros desmaiam de calor após 3 horas dentro de avião sem ar-condicionado
Geral
Passageiros desmaiam de calor após 3 horas dentro de avião sem ar-condicionado

Mais Lidas

IMAGENS FORTES: mulher morre após ser devorada por rottweilers em casa de prostituição
Polícia
IMAGENS FORTES: mulher morre após ser devorada por rottweilers em casa de prostituição
JD1TV: Jovens morrem ao caírem de 12 metros de altura enquanto esperavam show em boate
Internacional
JD1TV: Jovens morrem ao caírem de 12 metros de altura enquanto esperavam show em boate
À polícia, homem contou que disparo foi acidental, versão que é contestada por amigos da vítima
Polícia
Homem que deu tiro na cabeça de esposa passou em bar antes de voltar para local do crime
Vítima, que era pessoa com deficiência, não tinha família na Capital e era próxima dos vizinhos
Polícia
Marido de mulher baleada na cabeça já havia quebrado perna da vítima