Menu
Menu
Busca quarta, 22 de maio de 2024
TJMS Maio24
Geral

Censo 2022: Não responder a pesquisa pode gerar multa de mais de R$ 12 mil

Atualmente Mato Grosso do Sul ocupa o 4º lugar de estado com menos respostas coletadas, sendo 44%

09 novembro 2022 - 13h33Brenda Leitte, com G1 Notícias

Responder ao Censo é obrigação legal de todos os cidadãos brasileiros. A recusa pode gerar multa de mais de R$ 12 mil. De acordo com a Lei nº 5.534 de 1968, a pessoa que insistir em não responder à pesquisa fica sujeita a multa de até 10 salários mínimos.

Mato Grosso do Sul está em 4º lugar entre os estados brasileiros que menos coletaram informações. Ao todo, cerca de 44% da população foi recenseada, de acordo com a última atualização do Instituto Brasileiro de Geografias e Estatísticas (IBGE).

O coordenador de divulgação do censo no Estado, Fernando Gallina, explicou que a baixa porcentagem não está atrelada a recusa na resposta da pesquisa, mas sim ao baixo número de recenseadores trabalhando.

"Uma coisa acaba sendo imposta pela outra. Sem gente, não tem como, esse é o nosso verdadeiro problema. Em Mato Grosso do Sul, a recusa está em 2,19%, essa taxa estadual é menor do que a nacional. Nós fazemos vários esforços para que os cidadãos respondam à pesquisa", comentou Gallina.

As tentativas de contato com os moradores são várias. Gallina explica que os recenseadores passam nas moradias até cinco vezes, se ainda houver a negativa, o cidadão recebe uma notificação - uma espécie de carta com o QR Code para responder a pesquisa on-line.

Caso a pessoa insista em não responder, mesmo com a notificação, os recenseadores partem para uma abordagem ainda mais pedagógica.

"Um dos esforços que fazemos durante a supervisão é chegar nesses locais onde as pessoas se recusaram a responder. Assim, levamos a função e os benefícios que o Censo traz à população. Pela Lei, todo brasileiro é obrigado a responder o Censo do IBGE. Se houver a recusa, avisamos da obrigatoriedade e pessoa acaba respondendo", detalhou o coordenador.

Quando não há a resposta, o processo de convencimento passa a ser mais intenso por parte dos servidores do IBGE. "A multa é o último dos recursos. Vamos tentando de uma forma política e com conversas sobre a importância da pesquisa", finaliza Gallina.

Censo em Mato Grosso do Sul

Até 31 de outubro, pouco menos da metade da população havia respondido à pesquisa. O último balanço divulgado aponta mais de 1,5 milhão de pessoas ouvidas em Mato Grosso do Sul.

O fim das coletas estão previstos para dezembro deste ano. No estado, as cidades mais adiantadas na coleta de dados são: Brasilândia, Deodápolis, Paranaíba, Tacuru, Taquarussu e Sonora. Campo Grade tem um pouco mais de 44% da população ouvida. Em Mato Grosso do Sul, 51,2% dos entrevistados são mulheres e 48,8% são homens.

 

Tenha em seu celular o aplicativo do JD1 e acompanhe em tempo real todas as notícias. Para baixar no IOS, clique aqui. E aqui para Android.

Reportar Erro

Deixe seu Comentário

Leia Também

Sergio Moro
Política
Tribunal Superior Eleitoral rejeita pedidos de cassação de Sérgio Moro
Beneficiários do Primt serão alfabetizados pelo projeto Ressignificando Saberes
Geral
Beneficiários do Primt serão alfabetizados pelo projeto Ressignificando Saberes
Ator Tony Ramos
Geral
Tony Ramos apresenta "contínua evolução" após 2ª cirurgia
Rio Grande do Sul vive pior crise climática
Geral
Sobe para 161 o número de mortes no Rio Grande do Sul
Cada aposta simples custa R$ 2,50
Geral
Quina de São João sorteará R$ 220 milhões em 2024
'Cinco-contra-um': 78% dos homens se masturbam sem o conhecimento da parceira
Geral
'Cinco-contra-um': 78% dos homens se masturbam sem o conhecimento da parceira
Ministro Alexandre de Moraes
Justiça
STF suspende lei que proibia linguagem neutra nas escolas
Novo Fórum de Maracaju é vistoriado pelo Desembargador Sérgio Fernandes Martins -
Justiça
Presidente do TJMS faz vistoria em obra de R$ 8 milhões em Maracaju
 Eduardo Riedel e o Governador Regional de Tarapacá  no Chile, José Miguel Carvajal após assinatura do "Acordo de Cooperação" em 2023
Geral
Facilitando acordos bilaterais, Lei declara região do Chile como Estado Irmão de MS
A condenação se deu por lesão corporal leve e injúria estando em serviço
Justiça
Condenado a 10 anos, "Buguinho da Nhanhá" quer anular julgamento por morte de "Magrão"

Mais Lidas

Francisco Jr. foi socorrido em estado grave e levado para uma unidade de saúde
Polícia
JD1TV: Moto de influenciador da Capital explode em acidente na BR-060, em Sidrolândia
Rapper morr3 após atirar na cabeç4 ao gravar vídeo; assista
Geral
Rapper morr3 após atirar na cabeç4 ao gravar vídeo; assista
O motociclista foi carbonizado durante a colisão
Polícia
Pneu estourado teria causado acidente que matou motociclista carbonizado na BR-163
Vereador Lívio Leite
Justiça
Vaga de Claudinho Serra na Câmara será de Dr. Lívio